“McLaren deu lição para todos”, exalta Pérez sobre disputa com Button

Mexicano se diz orgulhoso do time por deixá-lo lutar com o companheiro, mas lamenta problemas com desenvolvimento do carro

Pérez dá entrevista em Barcelona

Perguntado pelo TotalRace a respeito da dura disputa com Jenson Button no GP do Bahrein, o mexicano Sergio Pérez foi só elogios à sua nova equipe. Pérez é novato no time, tem um currículo bem menor do que o companheiro campeão do mundo e também é de nacionalidade diferente da de Button e McLaren. Mas mesmo assim, ele não foi impedido de brigar com o companheiro, como ocorre em muitas equipes na Fórmula 1.

“É uma garantia estar numa equipe que nos deixa disputar. A McLaren apóia a fundo os dois pilotos. Creio que isto é uma grande lição para todos e me deixa muito orgulhoso de trabalhar neste time”, respondeu Pérez.

A disputa com Button foi um dos bons momentos do jovem piloto na última corrida. Após passar o companheiro, o mexicano ainda foi para cima de Webber e Alonso para conseguir um bom sexto lugar e diminuir as críticas que vinha sofrendo após as primeiras três corridas da temporada.

“Na verdade foi um ótimo resultado para a equipe. Com o potencial do carro que temos hoje não esperávamos que eu pudesse chegar tão à frente, mas conseguimos. É importante a partir de agora acelerar o processo de entendimento do carro para avançar e diminuir a desvantagem para os primeiros colocados. Estamos muito longe no momento e bem mais lentos que no ano passado. Jenson terminou 2012 ganhando no Brasil e na Austrália começamos 1,5 segundo mais lento que os ponteiros”, analisou o piloto.

Pérez lamentou o problema de correlação de dados que a equipe vem enfrentando. Problema que vem atrapalhando no desenvolvimento do carro. “Temos um problema de correlação com o simulador e com o túnel de vento. Por isso as coisas não estão fáceis e as melhoras que temos são às duras penas e isto não ajuda no processo de evolução. Por isso nossas melhorias são poucas, não suficiente para a posição que estamos. Todas as equipes estão melhorando, então está difícil para nós encostar nos primeiros”, afirmou Pérez, que vê em Barcelona uma boa chance para entender melhor o carro.

“Não estamos na posição que deveríamos estar, mas creio que Barcelona pode ser uma pista importante nesse sentido. É um circuito que exige muito do carro, tem desde curvas muito lentas e de média velocidade, até curvas rápidas. Então podemos dizer que, se um carro vai bem aqui, vai bem em todas as outras”, comentou.

“Espero um final de semana perfeito como no Bahrein tentar maximizar o potencial do carro e entrar nos pontos. Mas temos também que ser realistas e usar o fim de semana para entender o melhor do carro”, completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Jenson Button , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias