"Melhor que isso era difícil", garante Massa sobre quinto lugar

Brasileiro reconhece que Red Bull e McLaren estavam imbatíveis e lembra de decisão de 2008 devido à previsão de chuva

Felipe Massa saiu da classificação para o GP do Brasil satisfeito com sua quinta colocação no grid. Para o brasileiro, era impossível para a Ferrari superar Red Bull e McLaren, ao menos na tomada de tempos, em Interlagos.

“Olhando o ritmo que McLaren e Red Bull tinham, acho que, melhor do que isso, era bem difícil para mim hoje. Consegui fazer uma excelente volta. Agora, a gente tem que se preparar para a corrida, que será difícil porque tudo pode acontecer, até porque está todo mundo falando em chuva.”

Explicando a diferença de rendimento em relação aos treinos de sexta-feira, Massa acredita que a Ferrari tenha treinado com menos combustível. “Eu acredito que estávamos treinando com menos gasolina do que eles. Hoje, quando eles abaixaram mais a gasolina, a diferença aumentou. Não tenho uma diferença de acerto de ontem para hoje. Se a gente pensasse em um acerto de chuva não estaria largando onde eu estou.”

Sobre as chances de tricampeonato do companheiro Fernando Alonso, que precisa descontar uma diferença de 13 pontos em relação a Sebastian Vettel, Massa acredita que a chuva pode ser uma aliada, mas lembrou que, quando decidiu o título em 2008, a água atrapalhou e ajudou ao mesmo tempo.

“Acho que a gente não pode esquecer que a posição dele é muito difícil, estando muito atrás no campeonato e largando muito atrás também. É lógico que é uma condição muito dura. Falei até antes que a chance do Alonso é acontecer alguma coisa com o Vettel ou termos alguma condição diferente, como a chuva. Mas, como vimos em 2008, a chuva me ajudou e me atrapalhou. Tudo por acontecer em uma situação difícil como na chuva.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias