Mercedes cogita seguir Ferrari e estabelecer equipe B na F1

compartilhar
comentários
Mercedes cogita seguir Ferrari e estabelecer equipe B na F1
1 de jan de 2018 13:06

Toto Wolff considera plano da Scuderia com a Sauber uma decisão “muito inteligente”, mas alerta para possíveis distrações

Valtteri Bottas, Mercedes-Benz F1 W08
Valtteri Bottas, Mercedes-Benz F1 W08
Toto Wolff, Mercedes AMG F1 Director of Motorsport
Valtteri Bottas, Mercedes-Benz F1 W08
Kimi Raikkonen, Ferrari SF70H
Kimi Raikkonen, Ferrari SF70H
Pascal Wehrlein, Sauber C36
Alfa Romeo Sauber livery unveil
Alfa Romeo Sauber livery unveil

Chefe da Mercedes na F1, Toto Wolff indicou que sua equipe poderá seguir os passos da Ferrari e estabelecer um time B na categoria o futuro.

Desde 2016 a Ferrari conta com parceria técnica estreita com a Haas, sendo que a relação com a Sauber, que é mais duradoura, consistia somente no fornecimento de motores.

No entanto, a partir de 2018, a equipe suíça ficará mais próxima da Scuderia, com uma maior colaboração técnica, o uso do patrocínio da Alfa Romeo (pertencente ao mesmo grupo da Ferrari) e a contratação de Charles Leclerc, considerado a grande promessa de Maranello.

Wolff admitiu que gosta da ideia, de modo que a própria Mercedes poderá seguir um caminho semelhante no futuro.

“É algo que estamos considerando. Não é fácil, porque não quero distrair nossa própria organização com uma colaboração com outra equipe do outro lado. Não somos os únicos que estão tendo ideias inteligentes – estamos tendo conversas, mas nada está definido”, disse Wolff, em entrevista ao site da emissora ESPN.

“Acho que o que Sergio Marchionne [presidente da Ferrari] e Maurizio [Arrivabene, chefe da Ferrari] estão fazendo é muito inteligente. Eles já tinham uma boa relação com a Haas. Isso ajudou a Haas e ajudou a Ferrari, e o que eles estão fazendo com a Sauber é muito visionário.”

“Com Fred [Vasseur, chefe da Sauber], ele tem um chefe de equipe do outro lado que conhece o ramo até pelo avesso, e isso pode ser uma aliança que pode ser perigosa para nós.”

Atualmente, a Mercedes fornece motores para outras duas equipes: a Force India e a Williams. 

Próxima Fórmula 1 matéria
Renault diz que “brincou com fogo” em busca por performance

Previous article

Renault diz que “brincou com fogo” em busca por performance

Next article

Brown elogia Alonso: “100% focado nas corridas”

Brown elogia Alonso: “100% focado nas corridas”
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Mercedes Shop Now
Tipo de matéria Últimas notícias