Mercedes contrata diretor técnico demitido pela Ferrari

Após problemas pessoais e familiares em 2016, James Allison de junta a time tricampeão para substituir Paddy Lowe

A Mercedes confirmou nesta quinta-feira (16) que James Allison será seu novo diretor técnico para a temporada de 2017. O britânico ocupará a vaga deixada por Paddy Lowe, que ainda não foi anunciado oficialmente, mas atuará no mesmo posto na equipe Williams.

Allison era diretor técnico da Ferrari até o fim de julho do ano passado, quando foi desligado do time de Maranello. James não viveu um 2016 dos mais fáceis do lado pessoal, já que perdeu a esposa após a corrida inaugural na Austrália. Ficando mais tempo em casa, na Inglaterra, a Ferrari acabou decidindo por sua saída.

Segundo a Mercedes, ele irá se juntar ao time em março. Ele se reportará diretamente a Toto Wolff.

"Estou muito animado para voltar ao trabalho após este tempo longe do esporte", disse Allison. "É um privilégio enorme ter a confiança para ocupar esta posição em uma equipe que tem ido tão espetacularmente bem nas últimas três temporadas.”

"Estou realmente ansioso para fazer a minha parte para ajudar a Mercedes a ser forte nos próximos anos."

Chefe do time, Toto Wolff acrescentou: "Estou muito contente em receber James na Mercedes e muito ansioso para trabalhar com ele. Nossa equipe técnica é extremamente hábil em todos os níveis, por isso conseguimos três campeonatos mundiais consecutivos”.

"Não foi uma tarefa fácil encontrar a personalidade certa para fortalecer o nosso grupo experiente de engenheiros. Queremos dar aos nossos talentosos e membros jovens da equipe o espaço para se desenvolverem e, assim, trazer sua própria visão.”

"James é um engenheiro afiado. Acho que encontramos o cara perfeito e o reforço perfeito para nossa equipe sênior."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias
Tags james allison