Mercedes: Fazer a pole e segurar o pelotão não será suficiente

Apontados como favoritos em Mônaco pela dificuldade em ultrapassar, time alemão foca em melhorar ritmo de corrida

Apontados como os favoritos para o GP de Mônaco, os pilotos da Mercedes, Nico Rosberg e Lewis Hamilton, pedem uma melhora no ritmo de corrida do carro e não esperam que possam segurar os rivais por toda a prova. Depois de fazerem a pole nas últimas três provas, assim como ano passado em Mônaco – Michael Schumacher foi o mais rápido no treino, mas largou em sexto após uma punição – espera-se que a Mercedes domine a importante classificação em Monte Carlo.

A dupla do time alemão corre em casa, pois ambos os pilotos moram em Mônaco. Rosberg, inclusive, foi criado no Principado. “Saber que todos os meus amigos e minha família estão assistindo torna a corrida muito especial e amo poder ir de casa até o circuito de scooter”, conta Nico. “No momento, temos um bom carro em classificação, o que ajuda em Mônaco, mas há vários pontos desconhecidos, incluindo os pneus, e temos de esperar para ver.”

Hamilton, vencedor da prova em 2008, é outro fã de Monte Carlo. “Como piloto, você sabe que tem de render em todas as voltas e é um desafio de que realmente gosto. É uma experiência especial ver os guard rails passando a alta velocidade e gosto do fato de que os fãs podem se aproximar da pista. Talvez mais do que em outras pistas, a classificação é crucial em Mônaco, mas temos de manter nosso foco no domingo e continuar trabalhando para melhorar o ritmo de corrida.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pilotos Lewis Hamilton , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias