"Mesmo com os altos e baixos, ainda estou na luta", diz Hamilton

compartilhar
comentários
Por: Julianne Cerasoli
12 de set de 2014 14:01

Com seis corridas para o final e 22 pontos atrás, inglês busca continuar reação no próximo final de semana

Na tabela do campeonato, Lewis Hamilton conseguiu tirar apenas sete pontos em relação ao companheiro Nico Rosberg com a vitória no GP da Itália. Porém, para a moral no britânico, que não vencia desde o início de julho, o resultado de Monza significa algo mais: com seis corridas para o final e 22 pontos de desvantagem, o piloto da Mercedes tem certeza de que ainda está na briga.

[publicidade] “Foi uma boa sensação voltar a vencer em Monza. Obviamente, como Nico chegou em segundo, não consegui diminuir muito a diferença, mas ainda há muitos pontos para serem ganhos e estou contente por ter dado um passo nessa direção. Mesmo com os altos e baixos, ainda estou na luta pelo campeonato e isso me dá muita motivação para as próximas seis corridas.”

Falando em altos e baixos, Hamilton já teve o que comemorar e o que lamentar em Cingapura. O piloto venceu em 2009, mas acredita que deveria ter ganhado um ano antes, quando a Renault afetou o resultado da prova, vencida por Fernando Alonso. Além disso, em 2012, quebrou quando liderava.

“É um circuito de rua e adoro circuitos de rua. Ganhei lá em 2009, o que foi uma experiência muito especial, e também tive um pódio – que deveria ter sido uma vitória – na primeira corrida em 2008. Minha sorte não foi muito boa nesse circuito mas tomara que isso mude no próximo final de semana.”
Próxima Fórmula 1 matéria
Depois de perder em Monza, Rosberg foca em manter-se na ponta

Previous article

Depois de perder em Monza, Rosberg foca em manter-se na ponta

Next article

Espera acaba, e McLaren anuncia ex-Red Bull como novo engenheiro chefe

Espera acaba, e McLaren anuncia ex-Red Bull como novo engenheiro chefe
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias