Michael Schumacher quer prolongar sua carreira na Fórmula 1

Heptacampeão irá conversar com o chefe da equipe Mercedes Ross Brawn para definir seu futuro: "Ainda estou motivado"

Com seu contrato de três anos com a Mercedes vencendo no fim de 2012 - e com Ross Brawn querendo ter uma definição de seus pilotos para o próximo ano - Michael Schumacher, pela primeira vez, falou sobre seu futuro. E, por suas primeiras palavras, ainda está motivado a correr mais um ano (pelo menos).

Nesta quarta-feira, em entrevista exclusiva ao jornal alemão Bild, o heptacampeão mundial se disse "insatisfeito" e que "alcançou muito pouco" em seu retorno às pistas.

Desde quando voltou em 2010, Schumacher só veio conquistar seu primeiro pódio recentemente, durante o Grande Prêmio da Europa, em Valência, duas etapas atrás.

Sobre a negociação de seu contrato, Schumacher disse: "Não houve conversas entre eu e a Mercedes sobre uma extensão, mas isso ainda irá acontecer. Ainda estou muito motivado. Só o tempo dirá por quanto tempo", disse.

Se continuar na temporada de 2013 da Fórmula 1 - e esta tiver as mesmas 20 etapas deste ano, Michael Schumacher se tornará o recordista de participações em GPs, ultrapassando Rubens Barrichello por somente duas corridas.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Michael Schumacher
Tipo de artigo Últimas notícias