Mônaco é pista ideal para pressionar Mercedes, acredita Alonso

Para espanhol, Red Bull, principalmente, pode desafiar o time alemão, devido à eficiência nas curvas

Com 49 pontos e em terceiro na tabela do campeonato, Fernando Alonso é até agora o “melhor do resto”, ou seja, o líder entre os que não pilotam pela equipe Mercedes. O espanhol, no entanto, está muito distante da dupla prateada, a 48 de Nico Rosberg e a 51 de Lewis Hamilton. Para ele, a corrida de domingo é uma das raras oportunidades de pressionar o time alemão.

"Acredito que Monte Carlo será uma das poucas oportunidades para desafiar a Mercedes este ano, especialmente para a Red Bull", disse Alonso à ESPN. "Nas curvas, a Red Bull é muito rápida, mas nas retas parecem perder tempo. Como em Mônaco não há reta, talvez eles possam desafiar as Mercedes. Veremos”, argumentou.

[publicidade] O bicampeão sabe que ainda há muita diferença entre o F14 T e o W05, mas espera poder complicar um pouco a vida de Hamilton e Rosberg. " diferença de desempenho e pontos é muito grande e eles (Mercedes) estão fazendo um trabalho fantástico. Nosso pensamento no momento é de trabalhar duro no carro com toda a equipe em Maranello e buscar mais competitividade. Precisamos tornar as coisas um pouco mais difíceis para a Mercedes, pois, quando eles ganham com um minuto de vantagem para todos, acabam não cometendo erros. Então, o primeiro passo para nós não é ganhar, mas deixar de ficar um minuto atrás”, disse o espanhol.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias