Montadoras deveriam dar as cartas na F1, diz Renault

Presidente da Renault Sport, Jerome Stoll acredita que fabricantes possam ter papel mais importante na nova era da categoria

A Renault acredita que as montadoras envolvidas na F1 deveriam dar as cartas na categoria devido ao tamanho de sua contribuição para o esporte.

O presidente do departamento esportivo da empresa francesa, Jerome Stoll, considera que a F1 está entrando em uma “nova era” com seu novo proprietário, o grupo Liberty Media. Desta forma, Stoll garantiu que a Renault está determinada a assumir um papel de grande importância no futuro da categoria.

“Tivemos algumas conversas [com o Liberty]. Explicamos que deveríamos trabalhar juntos para melhorar o show, porque sua atratividade diminuiu um pouco”, afirmou Stoll ao Motorsport.com.

“Temos de iniciar uma nova era com o Liberty, e eles estão realmente dispostos a fazer algo diferente. Não sei o que vai ser, mas queremos ser considerados os principais participantes do espetáculo.”

“Sem fabricantes como Mercedes, Ferrari, [Honda] e nós – porque nós somos os únicos que estão desenvolvendo motores e investindo dinheiro –, não terá show. Então, precisamos estabelecer um diálogo juntos para ver como podemos atingir nossas metas.”

Stoll espera que as negociações para novos acordos comerciais com as equipes devam começar em breve – o atual contrato vai até o fim de 2020.

“Esperamos que o Liberty vá iniciar as discussões para o futuro, porque todos sabem que o acordo atual vai até 2020. Há muitas coisas para mudar nessa redistribuição de direitos, já que os times pequenos não conseguem sobreviver. Há muitas coisas para serem discutidas, e isso pode começar já nas próximas semanas.”

“Devemos trabalhar juntos para fazer crescer a audiência, o que é um processo como ‘a galinha e o ovo’. Se melhorarmos o show, aumentaremos a audiência, mas você pode aumentar a audiência também ao mobilizar as pessoas de diferentes formas. Televisão paga e coisas do tipo eram a solução por um período de tempo, mas pode ser que seja diferente nos próximos anos.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Renault F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias