Mudanças no carro para o TL2 não funcionaram, diz Vettel

compartilhar
comentários
Mudanças no carro para o TL2 não funcionaram, diz Vettel
14 de set de 2018 18:25

Terceiro mais rápido do primeiro treino livre em Singapura, alemão da Ferrari terminou o TL2 em nono após tocar no muro e abandonar a sessão

Sebastian Vettel diz que a Ferrari fez algumas mudanças no carro que não funcionaram para a segunda sessão de treinos livres da Fórmula 1 em Singapura, durante a qual o alemão acertou o muro e acabou tendo sua corrida abreviada.

Vettel terminou a sessão em nono depois de escovar o muro na saída da curva 21, abandonando imediatamente a sua volta rápida e indo para os boxes.

O piloto não voltou à ação, o que significa que ele também perdeu o crucial trabalho de simulação de corrida que as equipes tradicionalmente realizam na segunda metade do TL2.

"A volta que tive até o beijo na parede foi OK, mas eu não estava muito feliz com o carro", disse Vettel após a sessão.

Leia também:

“De manhã [no TL1], houve algumas fases que foram muito boas, à noite tentamos algo, que talvez não funcionou, acho que provavelmente voltaremos, mas isso é normal.”

“Obviamente houve um pouco mais que apenas um beijo [na parede], então tomamos uma precaução e decidimos não correr.”

“Perdemos um tempo que não é o ideal, mas tenho uma boa noção do carro.”

"Amanhã será a chave para encontrar o equilíbrio certo e sentir o carro um pouco melhor do que esta noite, então deveríamos ficar bem."

Vettel disse que perder tempo de treino no final da temporada é um problema menor do que no início do ano, quando as equipes têm menos dados para trabalhar e que ele pode até aprender com o que os rivais da Ferrari estavam fazendo.

"Estamos tão atrasados na temporada que praticamente sabemos o que observar, também dos outros carros, então não é um grande drama se você perder um pouco do tempo de pista", acrescentou.

“Você tem uma boa experiência de ler os outros, o que eles fizeram e assim por diante, lendo suas corridas com pneus, o que obviamente será fundamental para o domingo.”

"Não é o ideal, não é o que eu queria hoje, mas às vezes é assim. Podemos recuperar, penso, a maior parte amanhã.”

“Eu tentei um pouco demais e perdemos algum tempo, mas no geral o carro está funcionando, podemos melhorá-lo de onde estava.”

"Ainda não é onde eu quero estar, mas para amanhã devemos estar em um lugar melhor."

Next article
Ferrari: Porta estará "sempre aberta" para Mick Schumacher

Previous article

Ferrari: Porta estará "sempre aberta" para Mick Schumacher

Next article

Hamilton vê Red Bull na briga na “quente” Singapura

Hamilton vê Red Bull na briga na “quente” Singapura
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Singapura
Tipo de matéria Últimas notícias