Na pole, Rosberg quer reduzir diferença para Hamilton

Piloto alemão da Mercedes consegue se entender melhor com final de semana de tempo limitado e supera Lewis

Com pouco tempo de pista neste final de semana, Nico Rosberg foi melhor que o companheiro Lewis Hamilton para marcar a pole position pela terceira vez no ano e 18º na carreira. E não foi por uma pequena margem, não. O piloto colocou mais de 0.3s no atual campeão do mundo, sempre estando à frente do piloto do carro 44.

Após o treino, o piloto ressaltou que todos estão tendo um trabalho complicado e comemorou o feito.

“Tem sido um fim de semana difícil, porque tivemos muito pouco tempo de pista. Não tivemos muitos treinos”, disse.

“Mas a classificação foi muito boa, tivemos um equilíbrio muito bom no carro. Agradeço bastante aos meus engenheiros. Tivemos que arriscar um pouco no acerto, mas deu certo. Me senti confortável. Consegui boas voltas e estou feliz.”

A Mercedes pode conquistar o título de construtores amanhã na Rússia se fizer três pontos a mais que a Ferrari. Porém, Rosberg ainda não estabeleceu uma tática para isso junto ao time.

“No momento só estou feliz por estar na pole position”, declarou.

“Vamos tomar essa decisão amanhã de manhã, se vamos fazer um plano para isso. Obviamente o campeonato de construtores é um alvo importante para nós neste final de semana. Seria bom conseguir pela segunda vez.”

“Ao mesmo tempo, vamos tentar reduzir a desvantagem para Lewis.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Rússia
Pista Sochi Autodrom
Pilotos Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias