"Não podemos esperar milagres", afirma Vettel, 'ex-rei' das poles

Alemão da Red Bull admite que carro deste ano tem uma fraqueza justamente no ponto mais forte de 2011: a classificação

Sebastian Vettel no Bahrein

Nos últimos anos, Sebastian Vettel era o rei da pole position. No ano passado, foram nada menos que 15. Mas, pelo andar da carruagem, em 2012 o alemão não conseguirá chegar perto desta marca.

O atual bicampeão admitiu que existe uma fraqueza no carro da Red Bull justamente na tomada de tempos. E admite que não conseguirá fazer milagre neste fim de semana, por conta da curta distância entre as corridas.
 
"Não podemos esperar milagres, esperamos poder dar um passo à frente na classificação, mas não estamos tão ruins em termos de ritmo. Precisamos trabalhar e merecemos estar em uma posição melhor. Parecemos mais rápidos na corrida que na classificação", afirma.
 
"Precisamos achar o melhor acerto e melhorar o carro, pois temos fraquezas na classificação. Vamos tentar uma abordagem diferente e temos o teste em Mugello para mudar as coisas. As próximas semanas serão cruciais para determinar o que vamos fazer", analisa.
 
O alemão, inclusive, confirmou que utilizará o novo escapamento da Red Bull no Bahrein, após abrir mão do sistema em Xangai, quando apenas Mark Webber usou. "Foi um bom teste na China, diferente em termos de condições, com frio. Quando introduzimos esse escape no teste não tivemos bons dias, e acho que este foi um teste justo."
 
"O carro estava um pouco nervoso e fiquei um pouco feliz na China. Claro, temos apenas uma semana entre as corridas e não esperamos grandes mudanças, mas vamos ver o que acontece. É uma pista diferente, com calor, vamos ver", completa.
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Pilotos Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias