"Não tinha dúvida de que Vettel não me passaria", diz Raikkonen

compartilhar
comentários
Por: Julianne Cerasoli
28 de jul de 2013 11:22

Novo vice-líder lamenta falta de ritmo em classificação: "com um sábado melhor, poderia lutar pela vitória"

Feliz pelos pontos tirados em relação a Vettel, mas frustrado por, mais uma vez, não conseguir ter o mesmo ritmo da corrida na classificação. O novo vice-líder do campeonato, Kimi Raikkonen se mostrou decepcionado com o segundo lugar no GP da Hungria, mesmo após largar em sexto. Afinal, com um sábado melhor, acredita que poderia ter lutado pela vitória.

“Continuo dificultando minha vida aos sábados, o que não é bom, mas tomamos uma boa decisão ao parar uma vez a menos para ultrapassar alguns rivais”, apontou o finlandês. “Infelizmente, ontem foi um dia difícil e acabamos não lutando pela vitória. Mesmo assim, ficar na frente de Vettel é melhor do que nada.”

O piloto da Lotus aguentou bem a pressão do líder do campeonato nas voltas finais e, mesmo com os pneus bem mais velhos, afirmou que não tinha dúvidas de que se manteria à frente.

“Foi apertado com Seb, mas no final deu tudo certo e conseguimos um bom resultado. Achava que os pneus estavam bons e que ia conseguir ir até o final, e só nas últimas duas voltas a performance caiu bastante. Mesmo assim, não tinha dúvida de que ele não me passaria, pois eu era muito rápido no último setor e sabia que ele não teria chance nas duas primeiras curvas.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Terceiro, Vettel lamenta tempo perdido atrás de Button

Previous article

Terceiro, Vettel lamenta tempo perdido atrás de Button

Next article

"Faminto" Hamilton revela surpresa por vitória na Hungria

"Faminto" Hamilton revela surpresa por vitória na Hungria
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Hungria
Pilotos Kimi Raikkonen Shop Now
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias