Nasr destaca evolução da pista como grande fator em Monte Carlo

Brasileiro tentará voltar aos pontos em Mônaco após duas provas sem conseguir ficar entre os dez primeiros

No próximo final de semana o estreante Felipe Nasr correrá pela primeira vez na carreira no circuito de Mônaco ao volante de um carro de Fórmula 1. Para ele, uma boa corrida no principado passa por compreender a performance do carro desde os primeiros treinos para levar seu equipamento ao limite durante as 78 voltas da corrida.

"Mônaco é uma das pistas mais bonitas do calendário, e, ao mesmo tempo, o GP é muito tradicional”, recordou Nasr.

“É uma pista que é muito exigente em todas as áreas. Do lado do piloto, você precisa se sentir confiante no carro para levá-lo ao limite. Há algumas coisas que são importantes para um bom tempo de volta: boa estabilidade de frenagem e na tração, assim como um carro estável no geral.”

“Ao longo dos dias nós também precisamos prestar atenção na evolução aderência. Apesar de tudo, estou ansioso para correr em Mônaco rodeado por uma grande atmosfera."

Otimista, Ericsson acredita que experiência e bons resultados conquistados em Mônaco façam diferença em sua performance neste final de semana.

"O GP de Mônaco é um dos destaques da temporada. Esta pista de rua é lugar único, bastante diferente de outros circuitos em nosso calendário.”

“Se você está confiante no carro, pode extrair o máximo proveito de suas habilidades e perfomances. Será crucial, especialmente para a corrida, encontrar um bom ritmo de curva a curva e de volta em volta. Na GP2 tive algumas corridas fortes em Mônaco, então estou ansioso para um fim de semana positivo."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Pista Monte Carlo circuito de rua
Pilotos Marcus Ericsson , Felipe Nasr
Equipes Sauber
Tipo de artigo Últimas notícias