Nasr espera que Sauber acerte temperatura correta dos pneus

Temperatura da borracha na segunda sessão impediu melhor performance de brasileiro que fecha primeira temporada na F1 neste fim de semana

Felipe Nasr abriu o último fim de semana de sua primeira temporada como piloto da Fórmula 1 não muito contente. Ficando em 15° na primeira e 17° na segunda sessão, o brasiliense da Sauber atribuiu o descontentamento às temperaturas dos pneus.

"Na primeira sessão fizemos algumas medições aerodinâmicas para coletar os dados mais importantes. As temperaturas foram, naturalmente, maior do que na sessão do final da tarde, então tivemos que fazer mudanças."

"No entanto, não acho que trabalhamos os pneus na direção certa para as temperaturas mais baixas na segunda sessão."

Mesmo com a queixa, Nasr espera evolução de seu carro para amanhã e domingo.

"Mas ainda há espaço para melhorias para encontrar as temperaturas dos pneus corretas."

Amanhã tem o treino classificatório e a sessão vai definir quem foi o melhor da equipe do ano. Por enquanto, Nasr e Marcus Ericsson largaram na frente um do outro por nove vezes. Será que o brasileiro consegue esta pequena vitória?

"É só sexta-feira, por isso temos de olhar para os dados para entender melhor as coisas."

Pelo menos na sexta-feira, Nasr "bateu" Ericsson, já que o sueco foi apenas o 17° no treino livre que abriu os trabalhos em Abu Dhabi e o 18° na segunda parte, sendo mais lento que o brasileiro nas duas ocasiões.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Abu Dhabi
Sub-evento Sexta-feira - Treino livre 1
Pista Yas Marina Circuit
Pilotos Felipe Nasr
Equipes Sauber
Tipo de artigo Últimas notícias