Nasr mostra preocupação com novos freios da Sauber

Após corrida difícil no Canadá, piloto brasileiro tentará acerto diferente na Áustria para obter melhor performance.

Para Nasr, a explicação para sua corrida distante em Montreal se resume aos freios. O piloto relatou não ter sensibilidade no pedal como tinha com os freios da Brembo no início desta temporada. Felipe usou na última corrida os discos e pinças da Carbon Industries que não corresponderam às suas expectativas.

Segundo ele, os freios se superaqueciam em Montreal pelas muitas zonas de frenagem. Isso ele espera conter com novos acertos em Spielberg. Para Felipe, Marcus Ericsson se adaptou melhor à mudança.

"O que acontece é que estávamos correndo com outro material desde o início deste ano", disse Nasr. "Nas duas últimas corridas, andamos com um material diferente, um fornecedor diferente de freios, em Mônaco e no Canadá.

"Eu estou achando difícil, porque eu estava acostumado a outro material. Mudamos porque no Canadá e aqui temos bastante temos freadas muito fortes. Mas o novo material não se adequou ao meu estilo de condução no geral.”

"Fizemos algumas modificações para os freios aqui, que vou tentar na sexta-feira para ver como vai ser. Se não der certo, já temos outra solução para tentarmos. Basicamente é isso, se eu não consigo parar o carro corretamente no início da curva, comprometemos todo o resto do contorno.”

"Este foi o caso no Canadá. Temos muitos pontos de freada e estava me comprometendo em todas as saídas, basicamente. Nunca estive feliz e confiante com o carro lá.”

"Se nós não tivermos mudanças, a solução será voltar para o outro material. Vou trabalhar amanhã para ver se essas modificações dão certo, senão saberei o que é melhor para mim."

Em relação a Ericsson, ele disse: "Ele está muito feliz com o outro material, mas é claro que cada piloto tem um feeling diferente. Isso é muito pessoal. Se você olhar para os outros carros, você vai encontrar pilotos diferentes dizendo coisas diferentes sobre os freios. Mas é definitivamente o que descobri no Canadá.”

"Eu gosto de sentir o pedal mais duro e bem sensível.”

"Alguns pilotos preferem um pedal menos sensível, para que possam modular um pouco melhor. Mas eu gosto de sentir na primeira encostada que o carro está realmente aderindo, e não estou sentindo isso com o novo material que nós estamos usando."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Áustria
Pista Red Bull Ring
Pilotos Felipe Nasr
Equipes Sauber
Tipo de artigo Últimas notícias