Newey: “É uma pena que nós inventamos coisas e elas são banidas”

compartilhar
comentários
Newey: “É uma pena que nós inventamos coisas e elas são banidas”
Por: Julianne Cerasoli
27 de mai de 2011 09:20

Projetista da Red Bull fala da polêmica dos escapamentos e sobre o processo de criação dentro da equipe

Newey segue

 

Como todo bom mágico, Adrian Newey não revela suas táticas. Projetista dos carros que vêm dominando a F-1 desde meados de 2009, o inglês insiste que não há nada revolucionário em sua abordagem.

“Como diz o velho ditado, é 99% transpiração e 1% inspiração. Ocasionalmente, algum de nós aparece com uma grande ideia, mas na maior parte do tempo estamos tentando evoluir o que temos.”

Ouvido pelo TotalRace, o ‘pai’ do RB7, que arrebatou quatro das cinco provas até agora, todas sob a batuta de Sebastian Vettel, só se diz descontente com a possível proibição da ação aerodinâmica dos escapamentos  soprados no difusor. Criação sua do ano passado.

“É uma pena que nós inventamos coisas e elas são banidas, mas acontece. Já aconteceu com outras equipes e vai acontecer conosco.”

De olho na concorrência, o projetista destacou o trabalho da McLaren.

“Nunca se pode descartar a McLaren. Eles estavam claramente muito próximos em Barcelona, venceram na China, então estão por perto.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Para Jenson Button, nada se compara a guiar em Mônaco

Previous article

Para Jenson Button, nada se compara a guiar em Mônaco

Next article

Confusão em cima do nome Lotus termina bem para os dois lados

Confusão em cima do nome Lotus termina bem para os dois lados
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Monaco
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias