Newey revela que alterou pressão dos pneus para evitar falhas

"Ficaria muito desapontado se depois desse GP a FIA não tomar alguma providência", disse projetista da Red Bull

Adrian Newey

Depois de quatro falhas nos pneus traseiros esquerdos durante a corrida ontem, Adrian Newey, projetista da Red Bull, disse não saber o que causaram as falhas, mas defende que algo seja feito imediatamente por questões de segurança.

“Acho que os pneu preocupam todo o paddock. Imagine se o campeonato fosse decidido por uma falha de pneus, não seria muito bom”, disse ao TotalRace.“Ficaria muito desapontado se depois de hoje a FIA não tomar alguma providência.”

Perguntado sobre o que poderia ter causado os problemas, Newey disse: “Temos que perguntar para a Pirelli. O que pedimos durante a corrida foi que nossos pilotos ficassem longe da zebras e que o traseiro esquerdo fosse preservado. Também aumentamos a pressão dos pneus traseiros nas paradas.”

“As falhas dos pneus parecem ter vindo do ombro interno do pneu traseiro. Aumentando a pressão, pudemos mudar a pressão de contato mais para o centro do pneu ao invés das beiradas.”

“Acho que foi muito claro que tivemos um número preocupante de falhas de pneus durante o ano. A Pirelli chegou com uma solução que parecia que daria certo com uma construção diferente. Foi oferecida inicialmente para Montreal, mas duas ou três equipes vetaram porque seria melhor para outras equipes do que para elas.”

Questionado se a Red Bull teve alguma aviso do problema no carro de Vettel, Newey negou. “Não tivemos indicação que está vamos com problema, não havia nada nos dados. Foi um problema de transmissão, mas o que falhou ainda não dá para dizer.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha
Pista Silverstone
Tipo de artigo Últimas notícias