"Nossa função é obedecer às ordens", lembra Ricciardo

Australiano já ganhou posição do companheiro Vettel duas vezes este ano, em 4 corridas, graças a pedido do time

Poucos imaginavam isso antes do campeonato começar, mas o australiano Daniel Ricciardo, recém chegado à Red Bull, já fez o tetracampeão mundial Sebastian Vettel ouvir por duas vezes que estava mais lento que seu companheiro e que deveria deixá-lo passar.

Segundo Ricciardo, a Red Bull tem clara as situações em que haverá ou não ordem de equipe. "A gente colocou na mesa diferentes cenários e os discutimos entre os pilotos, diretores e engenheiros”, revelou o piloto ao jornal The Western Australian

[publicidade] "E é nossa responsabilidade obedecer qualquer ordem, a menos que ela seja completamente anormal. Aí podemos, obviamente, tentar mostrar nossas razões”, continuou o australiano.

Ricciardo concorda que não é nada bom ouvir do time que você está mais lento que o companheiro, mas que é preciso aceitar. “A equipe está fazendo todos os cálculos no pit durante a corrida e temos que respeitar o que eles estão dizendo. Nem sempre é bom ouvir que você precisa deixar passar, que seu carro está mais lento, é frustrante. No fundo, no fundo, nenhum de nós gosta de perder”, comentou o piloto, que só quer uma competição justa na equipe.

“Queremos competir de maneira dura. Quero correr melhor que Seb e ele quer correr melhor que eu. No final do dia, eu acho que nós dois vamos respeitar aquele que realizou um trabalho melhor. Se Seb fizer um trabalho melhor este ano, não vou gostar, mas, definitivamente, vou respeitá-lo por isso e dar-lhe o crédito que merece. E acho que a recíproca é verdadeira. Entendemos que é uma luta justa e nós apreciamos isso", completou Ricciardo.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Daniel Ricciardo
Tipo de artigo Últimas notícias