Novamente insatisfeito, Vettel não poupa críticas à nova Fórmula 1

Atual tetracampeão do mundo volta a falar mal do regulamento técnico e diz que carros não são mais desafiadores

Mais uma vez insatisfeito com o panorama atual da Formula 1, Sebastian Vettel voltou a criticar a categoria. Para o tetracampeão, o regulamento deste ano continua a desapontar, com carros e corridas indo contra à natureza primordial do esporte.

"Somos um esporte que é famoso por ser barulhento e perigoso”, falou o piloto da carro número 1.

“Corremos o risco de perder a essência do automobilismo e as nossas tradições", ressaltou Sebastian ao site alemão Focus.

Vettel continuou: "Precisamos nos sentir domando um dragão um ou uma besta. No entanto, essa impressão foi extremamente reduzida em comparação com a temporada anterior". A grande mudança em termos técnicos da temporada de 2013 para este ano foi a introdução das novas unidades de potência turbo ao invés dos antigos motores aspirados.

Com o dobro da pontuação dada aos 10 primeiros na última corrida da temporada, Vettel manteve o tom. "Na minha opinião, isso não faz sentido", disse o piloto da cidade alemã de Heppenheim, apenas o quinto no mundial até aqui. "Eu não sei o que deu nele", falou o piloto se referindo a Bernie Ecclestone, chefe da Fórmula 1.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias