'O grande problema da Ferrari é o motor', diz novo presidente

compartilhar
comentários
'O grande problema da Ferrari é o motor', diz novo presidente
Por: José Edgar de Matos
11 de set de 2014 12:16

Sergio Marchionne falou pela primeira vez como substituto de Luca di Montezemolo

Sergio Marchionne coloca um novo motor como prioridade na renovação da Ferrari
Em renovação, a Ferrari apresentou nesta quinta-feira o novo presidente da equipe, um dia após a saída de Luca di Montezemolo, que deixou o time vermelho após 23 anos. No primeiro discurso como mandatário, Sergio Marchionne apontou o principal problema escuderia: o renomado motor Ferrari.
 
[publicidade] “Nós sabemos o problema: a unidade de motor. Tenho fé que a Ferrari e seu braço esportivo serão capazes de ressuscitar a equipe, como fizeram no passado. Vamos trabalhar para voltar a vencer, pois este é o DNA desta empresa”, declarou o novo mandatário.
 
A Ferrari vive alheia ao domínio de outras equipes no Mundial de Fórmula 1 neste ano. A escuderia italiana não somou vitórias e possui apenas Fernando Alonso figurando entre os cinco primeiros entre os pilotos – o espanhol ocupa a quinta posição.
 
“O essencial é voltar às vitórias. O problema é recuperar a credibilidade de pista para a Ferrari. Temos que chegar lá, e não tenho a menor dúvida de que seremos capazes disso”, discursou.
 
O discurso de confiança corrobora com as últimas palavras de Montezemolo antes de deixar a equipe. O antigo presidente fez um discurso emocionado nesta quinta-feira e registrou a fé de que a escuderia vermelha voltará ao topo da F1 em um futuro próximo.
 
“Nós entendemos os nossos erros, e nesta empresa temos tudo o que é necessário para mudar isso e alcançar nossos objetivos. Precisamos enfrentar nossos problemas como uma equipe e um da cada vez. Temos que ter a coragem de ousar, e assim podemos embarcar em um novo ciclo vitorioso”, falou Montezemolo.
Próxima Fórmula 1 matéria
Adolescente completa 400 km e é liberado para adquirir Superlicença para F1

Previous article

Adolescente completa 400 km e é liberado para adquirir Superlicença para F1

Next article

'Irei me aposentar na Ferrari', garante Kimi Raikkonen

'Irei me aposentar na Ferrari', garante Kimi Raikkonen
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor José Edgar de Matos
Tipo de matéria Últimas notícias