Palco do GP do México deve ser um dos mais rápidos da temporada

No retorno da corrida na Cidade do México depois de 23 anos, pilotos deverão ultrapassar os 330km/h na reta

O México está de volta ao calendário da Fórmula 1 em 2015 depois de 23 anos e promete ter uma das velocidades máximas mais altas de todo o calendário. 

[publicidade] O Autódromo Hermanos Rodriguez, localizado na capital, Cidade do México, recebeu a etapa do país em duas oportunidades, entre 1963 e 1970 e entre 1986 e 1992. Apesar do circuito estar passando por alterações em seu circuito, na preparação para a prova de 1º de novembro, a longa reta, de 1.2km, continua sendo uma das marcas registradas da pista, com a expectativa de que os carros ultrapassem 330km/h.
 
Caso isso se confirme, será a segunda maior velocidade do campeonato, perdendo apenas para Monza, palco do GP da Itália, onde Daniel Ricciardo atingiu 376km/h no ano passado.

O último GP do México foi vencido por Nigel Mansell, pilotando a Williams-Renault, em prova que ficou marcada pelo primeiro pódio da carreira de Michael Schumacher.
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias