Palmer espera que Renault seja a que mais evolua em 2017

Com foco no novo carro desde o início do ano, britânico aposta que escuderia seja a que mais cresça no próximo campeonato

A Renault voltou a competir na F1 sob seu próprio nome em 2016, tendo adquirido a Lotus, mas lutou na parte de trás do grid durante todo o ano. A equipe terminou em nono lugar no mundial de construtores, com apenas oito pontos.

Jolyon Palmer admite que já esperava um ano difícil, mas, com a equipe se concentrando em 2017 desde o início, ele está otimista que o time possa dar um grande passo.

"Acho que vamos dar um bom passo no próximo ano", disse Palmer. "Sabíamos no início do ano que seria difícil. Para ser honesto, fizemos melhor do que esperava."

"O foco tem sido o carro novo há muito tempo, temos um bom investimento na equipe e ainda temos ótimas pessoas para fazer um bom trabalho. Espero que nossa equipe seja aquela que mais evolua."

Palmer, que marcou apenas um ponto este ano, garantiu a extensão de seu contrato no final da temporada, e o ex-campeão da GP2 acredita ter feito progressos constantes ao longo de 2016.

"Eu sinto que tenho melhorado muito desde meu primeiro dia na F1, especialmente no início do ano", disse ele. "Melbourne foi uma boa corrida, mas no início, se você comparar com o que eu estava fazendo nas primeiras seis provas e o que fiz no final, eu melhorei."

"Eu estava cometendo alguns erros, mas conforme o ano foi passando, eu estava os corrigindo também. Além disso, nas classificações eu estive em todos os Q2 desde a Malásia."

Relatos adicionais por Jonathan Noble

 

 

 

 

 

 

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Jolyon Palmer
Equipes Renault F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias