Para Brundle, única opção da Mercedes é Wehrlein

Comentarista de TV britânica diz que que dificilmente Williams irá desistir de manter Valtteri Bottas no próximo ano

Para o comentarista Martin Brundle, a Mercedes deverá ficar com Pascal Wehrlein em 2017. Segundo o ex-piloto, será muito difícil para o time alemão tirar Valtteri Bottas da Williams. 

Wehrlein correu ao lado de Esteban Ocon na Manor durante a segunda metade de 2016, mas enquanto Ocon garantiu um assento Force India, o futuro de Wehrlein ainda não está definido.

"No próximo ano vamos ter um grande desenvolvimento por conta dos novos regulamentos aerodinâmicos, que parecem ter oportunidades quase infinitas", disse Brundle, ativo na F1 entre 1984 e 1996, à Sky Sports.

"Você precisa de um piloto experiente – o ideal é ter dois deles, para maximizar todos os fins de semana.”

"Nós provavelmente vamos ver a maior quantidade de desenvolvimento de carros que já vimos de grandes equipes. É por isso que eles podem preferir alguém como Bottas, que vai dar mais feedback.”

"Mas, claro, Williams precisa disso ainda mais, porque Lance Stroll é um novato completo.”

"Nós não sabemos como ele vai ser, ele não fez GP2 (a categoria abaixo da F1) e também não andou muito com esses pneus Pirelli, então a Williams precisa manter o controle de Bottas.”

"Eu não posso ver qualquer outra opção para a Mercedes que não seja colocar Wehrlein no carro."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias