Para Maldonado, os Pirelli influenciam tanto quanto outros pneus

Venezuelano afirma que a borracha sempre foi fundamental para rendimento e acredita que cabe aos pilotos adaptar pilotagem

Não é de hoje que os pneus dão dor de cabeça para pilotos e equipes. Quem garante é Pastor Maldonado. O venezuelano afirmou em entrevista acompanhada pelo TotalRace que qualquer carro é pensado para funcionar bem em função da borracha, seja ela qual for.

“Tudo o que fazemos com o carro, do motor até, principalmente, a aerodinâmica, é para fazer estes pneus funcionarem. Isso não ocorre apenas com o Pirelli, mas com qualquer tipo de pneu. Isso porque ele é fundamental para o funcionamento de qualquer tipo de carro.”

Perguntado qual a porcentagem de ganho de se trabalhar bem com os Pirelli, o piloto da Williams calcula que metade do rendimento está relacionada essa capacidade. Sem reclamar da pouca durabilidade dos pneus usados atualmente na F-1, Maldonado destacou que cabe ao piloto dosá-los durante a corrida.

“Acredito que fazer o pneu funcionar perfeitamente bem é 50% do rendimento total do carro. E isso especialmente na corrida. Como os pneus têm uma aderência muito boa para andar rápido, na classificação eles funcionam bem por uma ou duas voltas. A corrida, devido à degradação, requer outro tipo de pilotagem, não estando sempre 100%. Essa é a realidade.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Pastor Maldonado
Tipo de artigo Últimas notícias