Para Massa, Fórmula 1 já é suficientemente perigosa

Piloto da Williams prega por cautela em clamor por mudanças no regulamento para próxima temporada.

Pole position na Áustria em 2014, Felipe Massa disse que não concorda com as alegações de Niki Lauda e Kimi Raikkonen de que a Fórmula 1 precisaria ser mais perigosa para voltar a ser atrativa. Para ele a categoria deve ter inteligência antes de mudar.

"Quando vejo Kimi e Lauda dizendo que a F1 precisa ser mais perigosa, discordo”, disse Massa na Áustria nesta quinta-feira.

"Eu acredito que deve ser melhor. Deveria ser mais inteligente.”

"Acho que na Fórmula 1 sempre tivemos muitas mudanças, mas, às vezes, a mudança não muda nada."

O brasileiro também advertiu que os planos para fazer dos carros mais rápidos devem ser bem pensados. Já que, para ele, as coisas poderiam piorar se as alterações não fossem embasadas.

"Eu entendo que é interessante fazer carros mais rápidos, mas se você apenas fizer o carro cinco segundos mais rápido, acho que verá ainda menos ultrapassagens do que há agora e as pessoas vão continuar reclamando de qualquer maneira", acrescentou.

"Eu quero o carro para seja tão rápido quanto puder, mas acho que as mudanças precisam ser inteligentes. A mudança não precisa apenas fazer com que os carros sejam mais rápidos na pista. Se você é três segundos mais rápido, na televisão ninguém vê isso.”

"Não é apenas ficar colocando downforce no carro. As pessoas querem ver competição, querem ver ultrapassagens, lutas e acho que isso precisa mudar."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Áustria
Pista Red Bull Ring
Pilotos Felipe Massa
Equipes Williams
Tipo de artigo Últimas notícias