Para Mercedes, várias equipes usarão carros velhos nos testes

Regra que obriga novos modelos a passarem pelos crash tests antes da pré-temporada pode adiar estreias

Pilotos só terão quatro dias cada para testar W03

Com a mudança no regulamento esportivo anunciada nesta quarta-feira pelo Conselho Mundial, de que os carros terão de passar pelos crash tests antes de entrar na pista no início de fevereiro para os testes conjuntos de pré-temporada, muitas equipes deverão levar à pista os carros deste ano.

Pelo menos é o que acredita o vice-presidente de automobilismo da Mercedes, Norbert Haug. Sua equipe, inclusive, já anunciou que não levará o modelo de 2012, que se chamará W03, para os primeiros testes.

De acordo com a equipe, essa programação dará mais tempo para o desenvolvimento do novo carro.

“Podemos fazer muitas coisas nestas duas semanas. Duvido que sejamos os únicos a agir dessa maneira”, afirmou à Auto Motor und Sport.

Com isso, Michael Schumacher e Nico Rosberg terão apenas quatro dias cada para andar com o carro novo antes do GP da Austrália, que abre a temporada em março.

No entanto, a equipe não parece preocupada com a falta de quilometragem. “Podemos simular muitas coisas em nossa fábrica em Brackley”, o chefe-executivo da equipe, Nick Fry, afirmou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias