Pérez comemora mais um pódio conquistado na estratégia

Após largar em 12º, mexicano termina em segundo lugar na corrida de Monza e sobe ao pódio pela terceira vez no ano

Pérez durante o final de semana em Monza

Sergio Pérez mais uma vez fez a estratégia da Sauber funcionar e saiu do meio grid para conquistar para conquistar seu terceiro pódio na temporada – assim como havia feito na Malásia e no Canadá. Hoje, o mexicano terminou em segundo, apenas 4,3s atrás de Lewis Hamilton.  “Foi uma grande corrida, muito agradável, daquelas que temos um bom ritmo e somos o cara que vai para cima. Adotamos a estratégia correta e é muito especial subir no pódio em Monza. Parei muito tarde e consegui ser muito rápido no final, foi impressionante”, disse o piloto após a corrida.

A estratégia diferente do Pérez consistiu em largar com pneus duros (já que ele não passou para o Q3), prolongar ao máximo o primeiro stint e, no final, com pneus médios contra adversários já com os duros, aproveitar o melhor ritmo para ganhar posições. E deu certo. “Fiquei preocupado no começo da prova se os pneus duros resistiriam o suficiente ou se acabariam. Até a volta 20, vi que eles estavam bons e, a partir daí, sempre me mantive em contato com o time, perguntando se tudo estava bem, para saber se mudaríamos ou não a estratégia. Já o segundo stint foi o máximo”, revelou o piloto, que ultrapassou Kimi Raikkonen, Felipe Massa e Fernando Alonso nas voltas finais em Monza. "Em todas as ultrapassagens que tive de fazer os competidores foram bem honestos. Deixaram pouco espaço, mas o suficiente. É assim que tem quer ser", ressaltou o mexicano, que aproveitou para destacar o trabalho de toda a equipe. "É um time muito bom e estou orgulhoso dele. Fico feliz em poder dar esse resultado para eles, que trabalharam muito".

Com o resultado, o piloto da Sauber subiu para 65 pontos no campeonato, mas se manteve na 9ª posição.

Mesmo largando à frente do companheiro, dentro do top 10, Kamui Kobayashi não conseguiu imprimir o mesmo ritmo e terminou em nono.

“Foi um grande dia para nossa equipe. Não tenho nada que reclamar de minha corrida, mas não tinha ritmo. Obviamente, diz uma estratégia diferente porque tinha de largar com os pneus com os quais me classifiquei. Admito que faltou experiência com ambos os compostos, porque não consegui fazer sequências longas na sexta.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Itália
Pilotos Kamui Kobayashi , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias