Pérez prevê “sensação especial” com os carros de 2017 em Spa

Piloto mexicano considera que os modelos deste ano, mais velozes do que os antecessores, proporcionarão tocada mais emocionante no circuito da Bélgica

Sergio Pérez se mostrou ansioso para enfim poder guiar um carro com a configuração da F1 em 2017 em um dos circuitos mais populares da temporada, em Spa-Francorchamps, sede do GP da Bélgica deste fim de semana.

O traçado belga é um dos mais aclamados pelos pilotos, sobretudo devido à suas curvas de alta velocidade, longas retas e trechos de subida e descida, como na icônica curva Eau Rouge.

Segundo o mexicano da Force India, os carros de 2017, com pneus mais largos e com mais pressão aerodinâmica do que os modelos dos anos anteriores, deverão proporcionar uma experiência ainda mais empolgante aos pilotos.

“A Bélgica tem um dos melhores circuitos para experimentar um carro de F1. Eu adoro seu traçado de alta velocidade, a história do lugar e os fãs apaixonados que encontramos por lá”, afirmou.

“A Pouhon é uma de minhas curvas favoritas do ano inteiro. É tão rápida e prazerosa quando a fazemos corretamente. Com os carros de 2017 a sensação será ainda mais especial nesta parte da volta, assim como acontecerá na Eau Rouge”, continuou.

Contudo, Pérez alertou que sempre há o risco por chuva na prova belga. É um ótimo fim de semana, e também há o ponto de interrogação quanto ao clima. Quase sempre chove, pelo menos em um dos dias [de atividades]”, disse. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Pista Spa-Francorchamps
Pilotos Sergio Perez
Equipes Force India
Tipo de artigo Últimas notícias