Pirelli descarta mudanças nos pneus para diminuir paradas

Fornecedora italiana enfocará em segurança ao invés de performance para não prejudicar ou favorecer nenhuma equipe

Pneus Pirelli

O diretor de competições da Pirelli, Paul Hembery, disse que a mudança nos compostos a ser testada por todas as equipes na sexta-feira no Canadá não terá o intuito de diminuir o número médio de paradas no box. A marca italiana quer apenas se certificar de que o composto seja mais mais seguro e não estoure, como nas primeiras etapas.

O dirigente considera que isso poderá favorecer alguns e desfavorecer outros. “Primeiramente, gostaríamos de mudar o composto mais duro para nos dar garantias de estarmos abaixo de três paradas”, falou Hembery.

“Mas você tem de entender que essas mudanças precisam acordadas entre as 11 equipes. Não é nada que possamos fazer isoladamente, e existem razões para isso. As equipes tiveram 'approaches' diferentes no design, algumas deles não querem ser penalizadas por uma mudança durante a temporada que altere seu nível de performance”, explica.

Contra as principais críticas de que os pneus italianos não deixam os pilotos andarem a 100% o tempo, Hembery se justifica. “Já me disseram que um piloto com os pneus de hoje é como pedir para o Usain Bolt correr 100 metros de salto alto. Na realidade, se todos usarem o mesmo salto alto, a competição muda e você usa o que tem disponível, não o que não tem.”

“Toda a equipe tem a mesma oportunidade, e no fim o melhor carro e piloto vão ganhar o campeonato”, garante.

Para se precaver de novos estouros de pneus, a Pirelli dará em Montreal dois jogos de pneus médios protótipos com a construção dos traseiros revista para ser testada. O pneu deverá estrear de fato em Silverstone.

“Vimos poucos pneus neste ano com a banda de rodagem chegando longe. Usamos 12.000, 12.500 pneus neste ano e vimos 14 onde vimos imagens do pneu se cortando que vai pela a banda de rodagem e cria o superaquecimento. Aí você vê dechapar, o que visualmente não é bom mesmo que pneu ainda esteja inflado, o que é positivo.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias