Porcentagem de ultrapassagens na F1 cai em 20% em 2015

De acordo com estatísticas compiladas pela Pirelli, ultrapassagens decresceram na temporada deste ano em comparação com 2014

Segundo cálculos feitos pela Pirelli, a temporada de 2015 da Fórmula 1 apresentou um decréscimo no número de ultrapassagens realizadas ante à temporada de 2014. Nas 19 corridas deste ano foram contabilizadas 509 ultrapassagens, com o GP da Malásia tendo a maior parte delas (60).

No entanto, em 2014, nas mesmas 19 etapas, foram realizadas 126 manobras a mais, 20% a mais do que o feito neste ano.

O rei das ultrapassagens não poderia ser outro: Max Veratappen. O holandês contabilizou 49, enquanto que seu companheiro Sainz conseguiu 45. Com isso, a Toro Rosso foi o time que mais ultrapassou no ano.

Os pilotos menos ultrapassados na temporada também são da mesma equipe, a Mercedes. Tanto Hamilton quanto Rosberg foram ultrapassados apenas três vezes durante todo o ano.

O piloto que mais ultrapassou em uma corrida foi Sebastian Vettel. No Canadá, após ter um problema na classificação e largar de 17º, ele passou 13 carros para ser o quinto.

Menos pit stops

A Pirelli também revelou que o número de pit stops diminuiu em 14%, de 814 em 2014 para 706 em 2015. 17580 pneus foram usados neste ano, 2448 a menos que no ano passado.

"Este foi um ano de evolução, com as equipes continuando a desenvolver seus carros para atender às novas regulamentações dos turbo híbridos", disse o chefe da Pirelli, Paul Hembery.

"Como sempre, há uma curva de desenvolvimento acelerado no final do ano, com as equipes entendendo carros e pneus.”

"No entanto, nós ainda atingimos a nossa meta de ter entre uma e duas paradas por corrida.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Max Verstappen
Tipo de artigo Últimas notícias
Tags pirelli