Precisar ser 5º por título não traz boa lembrança a Hamilton

Piloto jogou fora campeonato de 2007 precisando apenas de um quinto lugar em uma das últimas duas provas para triunfar

Com praticamente uma mão na taça, Lewis Hamilton chegará às últimas três provas da temporada de 2017 da Fórmula 1 precisando de apenas um quinto lugar para levar para casa o tetracampeonato.

O britânico foi perfeito na campanha feita até o momento no segundo semestre. Desde o fim das férias de verão em agosto, Hamilton venceu cinco das seis provas e abriu 66 pontos para Sebastian Vettel, que antes tinha 14 pontos de vantagem.

No entanto, se o alemão pode usar algo a seu favor nesta situação, é uma estranha coincidência. Há exatos dez anos Lewis Hamilton também precisava apenas de um quinto lugar nas duas últimas provas para ser campeão, e acabou perdendo o mundial.

No ano de estreia, Hamilton tinha 17 pontos de frente para Kimi Raikkonen e 12 para Fernando Alonso com duas provas para o final. No entanto, com erros e azares, o piloto acabou por abandonar uma prova e fazer um sétimo lugar – o que o fez perder o campeonato para Raikkonen por um ponto e empatar no vice com Alonso.

É verdade que Hamilton foi campeão por um ponto em 2008 sendo quinto no Brasil, porém nas corridas anteriores o britânico tinha bem menos vantagem no mundial para o brasileiro Felipe Massa.

Agora, Hamilton tem menos concorrência e uma prova a mais do que em 2007 para ser o quinto pelo menos uma vez. Será que ele consegue?

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias