Prestes a igualar Prost aos 26, Vettel não liga para precocidade

Alemão elogia piloto francês, que venceu a primeira prova com a mesma idade que o piloto da Red Bull tem hoje

Sebastian Vettel tem, no próximo final de semana, no GP do Japão, o primeiro dos cinco ‘match points’ para conquistar o tetracampeonato mundial de forma consecutiva. Os únicos da história que conseguiram tal feito foram Juan Manuel Fangio, nos anos 1950, e Michael Schumacher, na última década.

Chegando ao quarto título, Vettel também se iguala ao único tetracampeão da história, Alain Prost, que venceu quatro campeonatos entre 1985 e 1993. O último deles, inclusive, a bordo de um Williams projetado pelo atual desenhista da Red Bull, Adrian Newey.

“Acho que Prost é um dos melhores pilotos que a F-1 já teve”, opinou Vettel. “Venceu várias corridas e campeonatos. O ano de 1993 foi muito forte para ele, junto do carro da Williams – mas ele também pilotou muito bem. Não há dúvidas de que ele merece estar entre os grandes da história.”

Mas o próprio Prost apontou uma particularidade na conquista de Vettel. O alemão deve chegar ao tetra com 26 anos, mesma idade que o francês tinha quando conquistou sua primeira vitória. Mas Sebastian não quer saber de comparações nesse sentido.

“Não acho que a idade seja tão importante. Estou seguro de que, se você pudesse perguntar a Fangio, Prost ou Michael [Schumacher] quando eles foram tetracampeões, eles não se importavam com suas idades também.”

Vettel depende de uma combinação de resultados para ser campeão no Japão: precisa vencer e torcer para que Fernando Alonso não obtenha mais do que o nono lugar. Além da etapa de Suzuka, ainda faltam os GPs de Índia, Abu Dhabi, Estados Unidos e Brasil.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias