Publicidade: Preview do GP de Abu Dhabi com a F1 Experiences

compartilhar
comentários
Publicidade: Preview do GP de Abu Dhabi com a F1 Experiences
Traduzido por: Erick Gabriel
20 de nov de 2017 14:40

A batalha pelo campeonato pode ter acabado, mas há muito orgulho no final da temporada no fim de semana em Abu Dhabi

Lewis Hamilton conquistou seu quarto título mundial no México, mas o piloto da Mercedes esperava terminar a temporada de forma mais brilhante.

O nono no México, seguido do quarto lugar no Brasil, é a sua pior sequência desde a temporada 2013.
Hamilton tirou o pé depois de ganhar o título no final de 2015, com o companheiro de equipe, Nico Rosberg, vencendo as três últimas provas da temporada.

O alemão pegou esse impulso no campeonato seguinte, ganhando as quatro primeiras corridas e conseguindo uma vantagem antecipada em uma batalha de título que ele ganharia.

Com Sebastian Vettel vencendo no Brasil e dando a Ferrari sua primeira vitória desde o GP da Hungria em julho, Hamilton vai querer evitar que seu rival ganhe impulso semelhante.

O circuito da Yas Marina foi uma fortaleza da Mercedes na era híbrida turbo V6, com Hamilton e Rosberg compartilhando as três vitórias.

Mas Vettel ganhou três vezes sob as luzes de Abu Dhabi e mostrou ao longo da temporada que tem uma Ferrari que pode desafiar a Mercedes.

Com a oitava colocação, não importa onde Valtteri Bottas termine, isso será suficiente para Vettel terminar em segundo na classificação de pilotos.

Mas Vettel se concentrará em outra vitória em Abu Dhabi, pois enviará uma forte mensagem antes da batalha do título da próxima temporada, que pode ser mais apertada dada a estabilidade nos regulamentos técnicos.

Enquanto a maioria das posições na tabela já estão definidas, há uma intrigante batalha pelo sexto lugar no campeonato de construtores.

A Toro Rosso lidera, mas está a apenas quatro pontos de vantagem da Renault, com a Haas em oitavo.
A queda do sexto para o oitavo lugar vale a pena de US$ 6,5 milhões em prêmio na F1, Abu Dhabi é uma corrida crítica para as três equipes.

O GP de Abu Dhabi é um dos mais espetaculares do calendário. É a única corrida crepuscular da F1, ela começa com a luz do dia e termina à noite, proporcionando condições variáveis para que os pilotos lidem com a corrida.

Situado na Ilha Yas, construída pelo homem, o local é o circuito mais caro já construído e possui uma saída única de pitlane que passa sob a pista.

Se você quer a oportunidade de estar em Abu Dhabi para ver a cortina se fechar em uma temporada emocionante, além de ganhar acesso sem precedentes à Fórmula 1, o bilhete oficial do campeonato e o provedor de viagens, a F1 Experiences pode fazer isso acontecer.

Experimente o acesso privilegiado off-track, incluindo passeios nos bastidores do paddock e pit lane, um passeio de carro pela pista de Yas Marina, acesso à cerimônia no pódio e um ingresso para uma festa exclusiva do Paddock Club, que neste final de semana terá a presença de Stoffel Vandoorne.
Você também pode pegar sua foto no pódio e desfrutar do acesso de iate VIP, que incluirá um encontro com Esteban Ocon.

As participações anteriores de pilotos já incluíram Sergio Pérez, Nico Hulkenberg, Fernando Alonso, Romain Grosjean, Damon Hill, Jacques Villeneuve, Ocon e Max Verstappen.

Verstappen foi uma das estrelas da segunda metade da temporada, ganhando duas das últimas cinco corridas pela Red Bull.

Saiba mais sobre F1 Experiences® em f1experiences.com.

Próxima Fórmula 1 matéria
Massa: Não será fácil achar novo piloto brasileiro para F1

Previous article

Massa: Não será fácil achar novo piloto brasileiro para F1

Next article

Fittipaldi: Na minha época, Hamilton teria sido uma estrela

Fittipaldi: Na minha época, Hamilton teria sido uma estrela
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Abu Dhabi
Localização Yas Marina Circuit
Tipo de matéria Preview