"Pude pilotar do jeito que eu gosto", comemora Raikkonen

Após toque, finlandês ficou fora dos pontos na Alemanha, mas vê evolução no comportamento de sua Ferrari

Pela terceira vez no ano, Kimi Raikkonen terminou um GP fora da zona de pontuação, mas o finlandês afirmou que está se sentindo mais confortável a bordo de sua Ferrari, com a qual vem tendo problemas de adaptação desde o início do ano.

[publicidade]“Continua uma sensação mais próxima do que deveria ser, mesmo que os resultados não sejam como deveriam. O carro estava muito melhor aqui, mais de acordo com o que eu gosto, então pude pilotar mais do meu jeito e começou a ficar bom.”

A corrida de Raikkonen foi comprometida na classificação, quando o finlandês não conseguiu passar para a última parte e largou de fora do top 10. “Tivemos uma volta ruim no Q2, mas na corrida a sensação era boa do carro com pneus novos. Só piorou quando tive a asa dianteira danificada.”

O piloto da Ferrari espera que sua situação melhore nas próximas provas. Kimi tem apenas 19 pontos, contra 97 do companheiro Fernando Alonso.

“Em outro final de semana, quando eu tiver mais peças novas, deve ajudar e poderemos virar a situação e pontuar mais. Não está fácil, as coisas não estão indo como planejado. Algo sempre dá errado. Mas tomara que pare em algum momento.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias