"Quero ficar na Fórmula 1 por mais tempo", diz Webber

Motivado mesmo beirando os 36 anos, o australiano da Red Bull pretende continuar na categoria após fim do contrato, em 2013

O australiano Mark Webber, após renovar seu contrato com a equipe Red Bull até o fim de 2013, disse que pretende continuar na categoria por mais anos.

Depois de negociações com a Ferrari para 2013, Mark Webber assinou um ano de contrato com a Red Bull nesta terça-feira. Escrevendo em sua coluna na BBC, o australiano contou mais detalhes do acontecido.

"Embora eu tenha conversado com a Ferrari, permanecer na Red Bull foi a coisa certa ", disse Webber. "Eu quase disse ao proprietário da Red Bull, Dietrich Mateschitz, e ao chefe da equipe, Christian Horner, dois ou três anos atrás, que eu iria terminar minha carreira na Red Bull. Tenho certeza que todo mundo entende a atração de correr Ferrari, mas no final, tinha mais prós para ficar na Red Bull Racing - foi simples", revelou.

Mesmo com uma idade mais avançada, Webber pretende continuar por mais tempo correndo na Fórmula 1: "Só porque eu tenho quase 36, as pessoas vêm me perguntar se eu vou me aposentar. Mas não penso nisso. O contrato é de apenas um ano, mas eu quero continuar na Fórmula 1 por mais tempo do que isso", comentou.

Estreando na Minardi em 2002, sucedeu na equipe um de seus maiores competidores do título da temporada 2012: Fernando Alonso.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Mark Webber
Tipo de artigo Últimas notícias