Quinta em 2015, Force India crê em 2016 mais difícil

Principal força do meio do grid na última temporada, equipe espera Mclaren e Toro Rosso sendo problema neste ano

Em 2015 a Force India cravou sua melhor temporada na Fórmula 1. O quinto lugar deixou o time, que estreou um carro diferente durante o ano, muito animado com o que pode vir a conseguir em 2016.

No entanto, apesar de todo o otimismo, a equipe também entende que terá grande concorrência para manter o bom resultado neste ano.

Falando das perspectivas para 2016, Otmar Szafnauer, chefe organizacional da Force India, disse ao MOTORSPORT.COM: "a Toro Rosso terá uma nova unidade de potência e seus dois bons pilotos terão o dobro da experiência. Eles estarão bem.”

"Não consigo ver McLaren e Honda ficando onde estão para sempre. Eles um dia se tornarão bons. Não há nenhuma garantia de que vamos bater quem nós já batemos.”

"Vai ser difícil, mas com certeza vamos nos concentrar em como podemos vencer esses caras. Vai ser uma luta feroz.”

"Nós temos que planejar nossos recursos adequadamente e apenas continuar fazendo o que estamos fazendo."

Foco em 2017

Uma questão de suma importância no próximo ano é o momento em que as equipes passarão todos os seus recursos para preparar os carros de 2017.

Times menores, como a Force India, que poderão abandonar suas campanhas por não terem orçamento para executar programas de desenvolvimento paralelos.

"A grande questão do próximo ano vai ser quando alternar de 2016 para 2017", ele disse. "Porque em 2017 teremos uma mudança muito grande. Nós vamos ter que tomar uma decisão estratégica sobre quando trocar o foco.”

"O pessoal do fim do grid vai trocar este foco cedo. Talvez o pessoal da frente também vá trocar cedo, mas para os caras do meio do grid que estão lutando por posições no campeonato, isso é muito mais difícil."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Force India
Tipo de artigo Últimas notícias