Räikkönen culpa vento por rodada no segundo treino livre

Finlandês e o companheiro Romain Grosjean terminam sexta-feira forte em quarto e quinto na tabela de tempos

Com o tempo de 1:34.202s, Kimi Räikkönen foi o quarto mais rápido de hoje no circuito de Suzuka. O piloto da Lotus falou do dia relativamente bom que teve a bordo do E21, mas lembrou da rodada que o custou tempo precisou de um 'long run' durante a segunda sessão de treinos. O finlandês errou na saída dos "Esses" e ficou atolado na brita.

"O carro estava muito bom hoje. Claro, existem algumas áreas em que podemos melhorar, mas estou muito feliz com o progresso que fizemos”, disse Kimi.

“Rodei no FP2, então perdi algumas voltas de 'long run' que teria feito esta tarde. Eu estava em uma saída rápida e o vento mudou, o que pode afetar o carro algumas vezes. Pelo menos, não danifiquei o carro, assim o time não terá nenhum trabalho extra".

Já Grosjean, quinto hoje, destacou ser difícil encontrar o balanço do carro com os pneus Pirelli no Japão. "Encontrar o equilíbrio certo para fazer o carro funcionar bem por aqui é bastante complicado e os pneus não estão fazendo isso ser mais fácil, então temos algum trabalho a fazer durante a noite para tornar o carro um pouco mais fácil de lidar.”

“Há definitivamente um pouco mais de desempenho a ser encontrado, e é sempre melhor estar perto do topo na maioria das vezes, mesmo se você não tem as coisas muito bem, então vamos ver o que podemos fazer amanhã", finalizou Romain.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pilotos Kimi Raikkonen , Romain Grosjean
Tipo de artigo Últimas notícias