Raikkonen diz que pagou "preço alto" por erro em treino

Finlandês lamenta acidente no terceiro treino livre que prejudicou preparação do carro e trouxe punição por troca de câmbio

Kimi Raikkonen danificou o lado esquerdo do seu carro quando bateu na metade do terceiro treino livre antes da classificação em Suzuka. Ele perdeu a traseira de sua Ferrari e não conseguiu recuperar o controle antes de atingir as barreiras.

A equipe analisou a unidade e decidiu que era necessária uma mudança da caixa de câmbio antes da classificação, o que trouxe uma penalidade de cinco lugares no grid, mas reparou o carro a tempo de levá-lo ao quali.

"Eu simplesmente perdi o carro", disse Raikkonen. "Foi um erro, e eu paguei um preço bastante elevado com a penalidade e ficando longe da preparação ideal para a classificação, mas é assim que é."

Raikkonen não conseguiu igualar seu companheiro de equipe, terminando em torno de 0.7s atrás de Sebastian Vettel.

Ele se classificou em sexto, mas vai largar em 10º, após sua punição e começará a corrida com pneus macios, ao invés dos supermacios como a maioria dos 10 melhores.

"O maior problema foi a limitação por causa do que houve nesta manhã. Em um lugar como esse, onde você pode ter o direito de ir rápido no primeiro setor, você paga um grande preço."

Mas Kimi tem esperança de uma corrida mais forte no domingo, dada a sensação no carro antes do acidente no sábado de manhã.

"O sentimento era bom", disse ele. "Antes de cometer o erro, foi bom. Acho que na corrida deve estar OK. Temos um bom carro, faremos o nosso melhor e veremos onde acabamos."

"Não vai ser fácil, mas tenho certeza de que deveremos ter uma corrida bastante decente."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Japão
Pista Suzuka
Pilotos Kimi Raikkonen
Equipes Ferrari
Tipo de artigo Últimas notícias