Red Bull diz que Audi é última esperança para continuar na F-1

"Se não tivermos um motor competitivo em um futuro próximo, temos a Audi, ou estamos fora”, diz Helmut Marko

Depois de um final de semana desapontador em Barcelona, o consultor da Red Bull voltou a ameaçar a saída da marca de energéticos da Fórmula 1. Helmut Marko disse que a última esperança é a entrada da montadora alemã Audi, que poderia fornecer motores em um futuro próximo.

"Se não tivermos um motor competitivo em um futuro próximo, temos a Audi, que está chegando. Ou estamos fora", Marko disse à BBC Sport.

"Há muitos rumores. Oficialmente não há pedido ou conversas. O Grupo VW primeiro tem que resolver quem será o novo chefe de apoio, que dirigirá a marca da VW, e quando eles tiverem resolvido todas estas coisas talvez eles possam pensar sobre o que farão no automobilismo.”

Chefe comercial da Fórmula 1, Bernie Ecclestone disse que está tentando se assegurar que Red Bull não deixe o esporte. Para ele, a VW entrar F-1 seria uma medida bem-vinda.

"Eles [Red Bull] não vão sair. Queremos evitar isso", disse Ecclestone.

"Eu posso entender isso, e eu não estou feliz com isso também."

"Seria ótimo se eles [VW] entrassem."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Pista Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Marcel Fassler , Daniel Ricciardo , Daniil Kvyat
Equipes Red Bull Racing , Team Joest
Tipo de artigo Últimas notícias