Bottas abre passagem e Hamilton leva GP da Rússia

compartilhar
comentários
Bottas abre passagem e Hamilton leva GP da Rússia
30 de set de 2018 12:41

Finlandês comandava a prova após partir da pole position, mas cedeu passagem após ordem da Mercedes; Vettel completa pódio

Lewis Hamilton ficou com a vitória no GP da Rússia, em Sochi, após receber a liderança das mãos de seu parceiro de equipe na Mercedes, Valtteri Bottas. Sebastian Vettel completou o pódio. 

Hamilton percorreu boa parte da prova na segunda posição, atrás de Bottas, o pole position. Após a rodada de pitstops, o inglês chegou a ser superado também por Vettel, mas reconquistou o posto pouco depois, com uma ultrapassagem.

Em meados da prova, no entanto, a Mercedes ordenou que Bottas cedesse a ponta para Hamilton, o que foi prontamente obedecido - o finlandês praticamente parou seu carro na pista para que o colega assumisse a ponta. A justificativa do time ao comunicar o pedido para Bottas no rádio era de que Hamilton sofria de bolhas em seus pneus, de modo que a ordem protegeria o líder do campeonato de novos ataques de Vettel. 

Assim, Hamilton levou sua oitava vitória no ano, o que também o deixa 50 pontos à frente de Vettel na luta pelo título. A diferença é equivalente a duas vitórias, sendo que há 125 pontos em jogo. 

Kimi Raikkonen, também da Ferrari, fechou em quarto, logo à frente de Max Verstappen, que foi um dos destaques da prova ao fazer uma corrida alucinante de recuperação após partir do fundo do grid. Daniel Ricciardo, que também largou de trás, foi  sexto.

A zona de pontuação foi concluída por Charles Leclerc, Kevin Magnussen, Esteban Ocon e Sergio Pérez.

Como foi a corrida

Bottas fez uma largada segura para manter a ponta, enquanto que Hamilton sofreu a ameaça de Vettel nos metros iniciais. O alemão chegou a ficar à frente por uma pequena margem, mas Hamilton entrou no vácuo de Bottas para dar o troco e até para ameaçar o parceiro pela liderança.

Mesmo assim, as posições foram mantidas no grupo da frente. Bottas aproveitou a pista livre para sustentar uma pequena vantagem para Hamilton, que, por sua vez, mantinha Vettel atrás.

Mas houve momentos de ação um pouco mais atrás no pelotão. Leclerc fez bela manobra sobre Magnussen para subir para quinto, enquanto que Verstappen, que largou do fundo do pelotão, fez um começo de prova alucinante, alcançando o sexto posto ainda na sexta volta. Já na oitava passagem, o holandês deixou Leclerc para trás para tomar o quinto lugar.

Bottas abriu a rodada de pitstops na volta 13, seguindo a estratégia padrão (tirando os ultramacios e adotando os macios). Na volta seguinte, foi a vez de Vettel, enquanto que Hamilton demorou uma passagem a mais para fazer sua troca.

A tática deu certo momentaneamente para Vettel, que havia conseguido tomar a posição de Hamilton e, na prática, ir ao segundo lugar. Mas não durou muito: na volta seguinte, Hamilton atacou Vettel na curva 2, mas o alemão se defendeu; pouco depois, o inglês conseguiu mergulhar por dentro e recuperar a posição.

A sequência, então, se mantinha a mesma da largada, com Bottas à frente de Hamilton e Vettel. A diferença era que Verstappen, que largou com os pneus macios, assumiu a ponta provisória antes de fazer seu pitstop, com um primeiro trecho de prova bastante longo.

A mudança veio somente na volta 25: Bottas reduziu significativamente seu ritmo na entrada da curva 14 para ceder a posição para Hamilton.

Então, a situação se manteve inalterada até o fim. Hamilton levou a bandeirada 2s5 à frente de Bottas, que teve 4s9 para Vettel. Raikkonen veio a seguir, com Verstappen e Ricciardo completando o top 6.

Após a bandeirada, o chefe da Mercedes, Toto Wolff, disse a Bottas pelo rádio: "Dia difícil hoje. Vamos conversar depois."

Resultado completo:

Cla   # Piloto Chassi Motor Voltas Tempo
1   44 United Kingdom Lewis Hamilton Mercedes Mercedes 53  
2   77 Finland Valtteri Bottas Mercedes Mercedes 53 2.545
3   5 Germany Sebastian Vettel Ferrari Ferrari 53 7.487
4   7 Finland Kimi Raikkonen Ferrari Ferrari 53 16.543
5   33 Netherlands Max Verstappen Red Bull TAG 53 31.016
6   3 Australia Daniel Ricciardo Red Bull TAG 53 1'20.451
7   16 Monaco Charles Leclerc Sauber Ferrari 53 1'38.390
8   20 Denmark Kevin Magnussen Haas Ferrari 52 1 lap
9   31 France Esteban Ocon Force India Mercedes 52 1 lap
10   11 Mexico Sergio Perez Force India Mercedes 52 1 lap
11   8 France Romain Grosjean Haas Ferrari 52 1 lap
12   27 Germany Nico Hulkenberg Renault Renault 52 1 lap
13   9 Sweden Marcus Ericsson Sauber Ferrari 52 1 lap
14   14 Spain Fernando Alonso McLaren Renault 52 1 lap
15   18 Canada Lance Stroll Williams Mercedes 52 1 lap
16   2 Belgium Stoffel Vandoorne McLaren Renault 51 2 laps
17   55 Spain Carlos Sainz Jr. Renault Renault 51 2 laps
18   35 Russian Federation Sergey Sirotkin Williams Mercedes 51 2 laps
  dnf 10 France Pierre Gasly Toro Rosso Honda 4 49 laps
  dnf 28 New Zealand Brendon Hartley Toro Rosso Honda 4 49 laps

 

Próxima Fórmula 1 matéria
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Rússia
Tipo de matéria Relato da corrida