Relatório financeiro aponta lucros na Williams em 2011

Apesar de ter amargado a lanterna entre os que pontuaram entre os Construtores, equipe teve ganhos de cerca de 20%

Williams fechou o ano com lucros

A Williams pode ter ficado na lanterna do campeonato de construtores de 2011 entre as equipes que marcaram pontos, mas ao menos fora das pistas a situação foi bem diferente. A Williams Grand Prix Holdings, que inclui a equipe de F-1 e a Williams Hybrid Power Limited, anunciou fortes ganhos financeiros após ter entrado na bolsa de valores há cerca de um ano.

O volume de negócios derivados da F-1 aumentou de £90.8 milhões para £102.3 milhões. Isso elevou o volume total do grupo de £91 milhões para £104.5 milhões, com aumento de 20.6% no lucro operacional líquido.

“Os resultados dos investimentos estão crescendo como o esperado e estão no nível do plano a longo prazo do conselho”, afirmou a equipe por meio de comunicado.

O presidente da Williams, Adam Parr, reafirmou a confiança no futuro da equipe após a divulgação dos números.

“O grupo teve uma ótima performance nos últimos 12 meses, mesmo com as dificuldades na economia global. Nosso relatório anual de 2011 mostra resultados fortes e nossa atual posição financeira é excelente. Em fevereiro, tínhamos £29.2 milhões em caixa. Podemos, portanto, olhar adiante com confiança.”

Além dos lucros, Parr ressaltou os investimentos e parcerias feitas ao longo de 2011 a fim de fortalecer a empresa.

“Fizemos várias contratações no lado técnico que irão fortalecer nossa performance na F-1 e estamos felizes com nossas novas parceiras com a Renault na F-1 e a Jaguar nos supercarros híbridos. Nossos negócios estão dando resultados promissores.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias