Relembre outros 9 confrontos físicos entre pilotos na F1

compartilhar
comentários
Relembre outros 9 confrontos físicos entre pilotos na F1
12 de nov de 2018 15:45

Recorde quando emoções da pista não foram controladas por pilotos após saírem de seus carros

Galeria
Lista

Chico Serra x Raul Boesel - GP do Canadá 1982

Chico Serra x Raul Boesel - GP do Canadá 1982
1/10

Foto de: LAT Images

Depois de atrapalhar Chico Serra em sua última volta da pré-classificação, Raul Boesel ainda de capacete recebeu um tapa na cabeça do compatriota e foi para cima do futuro tricampeão da Stock Car. Os dois brigaram no pit lane e tiveram que ser separados por pessoas próximas.

Nelson Piquet x Eliseo Salazar - GP da Alemanha 1982

Nelson Piquet x Eliseo Salazar - GP da Alemanha 1982
2/10

Foto de: LAT Images

Provavelmente a briga mais famosa da história da F1. Nelson Piquet liderava o GP da Alemanha quando chegou em Eliseo Salazar para colocar uma volta. O piloto chileno não deu espaço para Piquet por fora e o brasileiro tocou com o piloto da ATS e foi parar nos pneus. Ao sair do carro, Nelson foi para cima de Salazar, empurrando seu capacete e tentando chuta-lo.

Nigel Mansell x Ayrton Senna - GP da Bélgica 1987

Nigel Mansell x Ayrton Senna - GP da Bélgica 1987
3/10

Foto de: Sutton Motorsport Images

Disputando a liderança, ambos bateram ainda na primeira volta da prova na curva Fagnes. Depois de retornarem aos pits, Mansell foi atrás de Senna. Segundo conta o britânico em sua biografia, os dois “resolveram” as diferenças em uma briga com direto a socos.

Ayrton Senna x Michael Schumacher - GP da Alemanha 1992

Ayrton Senna x Michael Schumacher - GP da Alemanha 1992
4/10

Foto de: LAT Images

Depois de ser tirado por Michael Schumacher na primeira volta do GP da França (foto), Ayrton Senna foi tirar satisfações com o alemão no grid depois de a prova ser paralisada. Duas corridas depois, o Schumi o bloqueou durante um treino livre em Hockenheim. Senna partiu para cima do concorrente, o empurrando nos boxes. A briga foi apartada por mecânicos.

Ayrton Senna x Eddie Irvine - GP do Japão 1993

Ayrton Senna x Eddie Irvine - GP do Japão 1993
5/10

Foto de: LAT Images

Em episódio famoso de sua carreira, Senna foi para cima do estreante Eddie Irvine após o GP em Suzuka. O motivo foi uma ultrapassagem do irlandês sobre Ayrton durante a corrida para recuperar uma volta de desvantagem. O brasileiro, depois de celebrar sua 40ª e penúltima vitória, foi atrás de Eddie nos boxes da Jordan e o socou, o fazendo cair de uma cadeira.

Michael Schumacher x David Coulthard - GP da Bélgica 1998

Michael Schumacher x David Coulthard - GP da Bélgica 1998
6/10

Foto de: LAT Images

Liderando a corrida, Michael Schumacher encontrou o retardatário David Coulthard à frente em meio da uma chuva torrencial. Companheiro do líder do mundial Mika Hakkinen, o escocês aliviou sua velocidade para que o alemão o passasse, mas Schumacher errou e encheu a traseira da McLaren. Ambos retornaram aos pits – Schumacher com três rodas e Coulthard sem a asa traseira. Lá, Schumacher foi até a garagem da McLaren para tentar tirar satisfação com David. Os dois foram separados por mecânicos.

Jacques Villeneuve x Juan Pablo Montoya - GP do Canadá 2001

Jacques Villeneuve x Juan Pablo Montoya - GP do Canadá 2001
7/10

Foto de: British American Racing

Depois de ser atrapalhado em um treino livre por Montoya, Villeneuve passou o colombiano e fez o famoso brake test, travando seus freios à frente da Williams em sinal de desprezo. Montoya bateu em Jacques, que em seguida acabou batendo devido aos danos da colisão. Mais tarde naquela sexta, durante o briefing dos pilotos, ambos discutiram. Montoya disse que se Jacques fizesse aquilo de novo o colocaria na parede. Villeneuve disse a Juan Pablo que o colocaria nas árvores, para logo em seguida Montoya lembrar que Villeneuve havia “matado” alguém naquele ano, na Austrália quando bateu em Ralf Schumacher e um fiscal de pista morreu. Jacques pegou Juan Pablo pelo pescoço e a briga teve que ser apartada.

Jarno Trulli x Adrian Sutil - GP do Brasil 2009

Jarno Trulli x Adrian Sutil - GP do Brasil 2009
8/10

Foto de: XPB Images

Depois de um toque em alta velocidade na primeira volta da corrida, Jarno Trulli foi parar no muro e Adrian Sutil na grama. O alemão ainda acertou Fernando Alonso antes de parar. Porém, Trulli – que tocou em Sutil – partiu para cima do alemão na área de escape, discutindo e colocando o dedo na cara do piloto da Force India, que chegou a puxa-lo.

Felipe Massa x Lewis Hamilton - GP de Singapura 2011

Felipe Massa x Lewis Hamilton - GP de Singapura 2011
9/10

Foto de: Steven Tee / LAT Images

Em meio a uma relação turbulenta na pista devido a outros incidentes naquela temporada, Lewis Hamilton e Felipe Massa foram às vias no GP de Singapura de 2011 devido a um toque do britânico no brasileiro, furando o pneu da Ferrari. No cercadinho, falando com a imprensa após a corrida, Massa empurrou Hamilton após falar “bom trabalho, muito bom trabalho”. Hamilton olhou para trás e disse: “não toque em mim de novo”.

Max Verstappen x Esteban Ocon - GP do Brasil 2018

Max Verstappen x Esteban Ocon - GP do Brasil 2018
10/10

Foto de: Sutton Motorsport Images

Após um toque na segunda perna do S do Senna, enquanto Ocon tentava tirar sua volta de desvantagem com pneus novos, Verstappen rodou e perdeu a liderança para Hamilton. Depois do GP, ele foi discutir com o francês durante a pesagem. O holandês empurrou Ocon por três vezes e foi punido com dois dias de serviços sociais.

Next article
Ocon lamenta por Verstappen: “Era corrida para ele vencer”

Previous article

Ocon lamenta por Verstappen: “Era corrida para ele vencer”

Next article

Mercedes: Motor de Hamilton esteve na iminência de quebrar

Mercedes: Motor de Hamilton esteve na iminência de quebrar
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1