Ricciardo admite que há "muito em jogo" no próximo contrato

Australiano reflete sobre futuro e afirma que não será pressionado a tomar uma decisão antes de estar realmente pronto

O acordo atual de Daniel Ricciardo com a Red Bull terminará no final do ano que vem e a equipe baseada em Milton Keynes deixou claro que sua prioridade é mantê-lo ao lado de Max Verstappen até o final de 2020.

Mas Ricciardo quer aguardar para ver como as equipes se apresentarão no início do ano que vem antes de tomar uma decisão.

Escrevendo em sua coluna no site da Red Bull, Ricciardo disse sobre seu contrato: "Não há nenhuma pressa, e isso pode levar o tempo que for. Eu não estou definindo um prazo por causa de alguém ou apenas para fazer isso por mim.”

"Eu não vou apenas fazer algo porque quero que esteja fora da minha mente, porque há muito em jogo. É uma grande decisão, então, se precisar levar tempo para decidir, então vai levar.”

"Estou planejando estar no esporte por um longo tempo ainda, mas, ao dizer isso, se eu fosse assinar, digamos, um acordo de três anos, esse é um grande pedaço da próxima parte da minha carreira.”

"Eu preciso entender isso, então é uma grande decisão. Vai levar o tempo que precisar. Não vai ser uma distração."

Enquanto Ricciardo sabe que poderá haver uma guerra pelos seus serviços, podendo abrir vagas na Mercedes e Ferrari, ele diz que seu único foco é encontrar o carro que lhe dará a melhor chance de vencer.”

"Eu sei o que quero e o desempenho é mais importante do que dinheiro ", disse ele. "Tendo a chance de lutar por algo realmente significativo - corridas e campeonatos - essa é a prioridade absoluta.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Daniel Ricciardo
Equipes Red Bull Racing
Tipo de artigo Últimas notícias