Ricciardo celebra batalhas na pista e Vergne perdoa Schumacher

compartilhar
comentários
Ricciardo celebra batalhas na pista e Vergne perdoa Schumacher
Por: Julianne Cerasoli
23 de set de 2012 12:54

Australiano disse que nem olhava no retrovisor nas últimas voltas quando se defendia do compatriota Mark Webber

A Toro Rosso comemorou outro final de semana positivo com o nono lugar de Daniel Ricciardo. Depois de pontuar com ambos os carros na Bélgica e perder a décima posição com o próprio Ricciardo na última curva em Monza, o time comemora a evolução. Afinal, antes disso, havia conquistado posições entre os 10 melhores apenas nas duas primeiras etapas do Mundial.

“É ótimo voltar aos pontos e isso mostra que começamos muito bem a segunda metade da temporada”, destacou Ricciardo. “Mesmo não pontuando sempre, temos lutado por eles nas últimas três corridas. Nos beneficiamos um pouco do Safety Car, mas depois tivemos de lutar contra os caras que vinham atrás, então estou muito feliz com o nono lugar.”

Nas últimas voltas, o australiano sofreu muita pressão do compatriota Mark Webber, que tinha pneus mais novos, mas terminou atrás do piloto da Toro Rosso.

“Curti minha batalha com Mark, mesmo não tendo conseguido segurar Massa antes disso. No final, nem olhava muito no retrovisor, só focava em manter meus tempos de volta até a bandeirada.”

Jean Eric Vergne também vinha fazendo boa prova até ser abalroado por Michael Schumacher quando disputava posição com Sergio Perez. É o segundo abandono seguido do francês, que sofrera uma falha de suspensão em Monza.

“Nossa estratégia funcionou bem e o Safety Car nos ajudou. Meu ritmo era muito bom, no nível dos ponteiros, então tudo corria melhor do que o esperado. No geral, estou muito feliz com este final de semana, pois progredi muito. É uma pena que não tenhamos terminado, acho que poderíamos chegar até em sétimo. Sobre o acidente, estava focado em chegar em Perez e tentei frear tarde. Então não sei exatamente o que aconteceu, mas acredito que Michael deve ter freado um pouco tarde demais e não conseguiu evitar me acertar. Não faz sentido ficar bravo porque essas coisas acontecem e até o piloto mais experiente do grid pode cometer erros.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Lewis Hamilton: "São mais seis corridas e não vou desistir"

Previous article

Lewis Hamilton: "São mais seis corridas e não vou desistir"

Next article

Rosberg comemora 5º lugar. Schumacher bate e é punido

Rosberg comemora 5º lugar. Schumacher bate e é punido
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pilotos Daniel Ricciardo Shop Now
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias