Ricciardo cresce no fim e marca a pole no México

compartilhar
comentários
Ricciardo cresce no fim e marca a pole no México
27 de out de 2018 19:07

Australiano vê Verstappen dominar parte do fim de semana, mas reage na última volta do Q3 para largar na frente

Daniel Ricciardo conquistou a pole position para o GP do México de 2018, superando nos instantes finais seu parceiro de equipe, Max Verstappen, que vinha dominando o fim de semana até então.

O australiano cravou a volta de 1min14s759 em sua última tentativa no Q3, o que foi suficiente para deixá-lo apenas 0s026 à frente de seu colega. Esta foi a segunda pole position do australiano e da Red Bull na temporada - a outra foi em Mônaco, prova em que Ricciardo venceu.

Lewis Hamilton ficou com o terceiro lugar, 0s1 atrás das duas Red Bull. O inglês, que precisa de apenas um sétimo lugar para conquistar o título no domingo, superou em sua última tentativa Sebastian Vettel, o quarto colocado. Valtteri Bottas e Kimi Raikkonen completam os seis melhores.

A fase final da classificação ainda teve participação dos dois carros da Renault, que ficaram em sétimo e oitavo com Nico Hulkenberg e Carlos Sainz, e da Sauber, com Charles Leclerc e Marcus Ericsson.

Q1: Mercedes faz dobradinha; Haas é eliminada

Sob um céu nublado, a sessão começou com as duas Mercedes indo à pista com os pneus ultramacios – ao contrário do que fizeram todos os outros pilotos, que adotaram os hipermacios, que são os pneus mais velozes do fim de semana.

Vettel registrou logo em sua primeira tentativa o tempo de 1min16s089, que foi o tempo mais veloz do fim de semana até o momento. O alemão da Ferrari abriu inicialmente grande vantagem para os concorrentes mais próximos, especialmente os pilotos da Mercedes, com Hamilton 0s3 atrás.

No entanto, a Red Bull mostrou sua força logo nas primeiras voltas, a menos de 10 minutos para o fim do Q1: Verstappen assumiu a ponta, com 1min15s756, 0s1 à frente de Ricciardo, que pulou para segundo.

Nos instantes finais do Q1, Hamilton e Bottas puseram os pneus hipermacios e mostraram uma competitividade que não havia aparecido no fim de semana até então: o finlandês fez o melhor tempo, com 1min15s580, 0s093 à frente do inglês. Isso jogou Verstappen e Ricciardo para terceiro e quarto, respectivamente, ainda à frente de Vettel.

Os carros da Force India cresceram nos instantes derradeiros, e Sergio Pérez pulou para sexto, com Esteban Ocon em sétimo. Assim, Raikkonen ficou somente em oitavo, com Hulkenberg e Hartley completando o top 10.

Os eliminados da primeira fase foram Romain Grosjean (que ainda perderá três posições no grid devido a uma punição), Stoffel Vandoorne, Kevin Magnussen, Lance Stroll e Sergey Sirotkin.

Q2: Verstappen lidera com top 6 de ultramacios

Pouco após a luz verde, os favoritos (Red Bull, Ferrari e Mercedes) foram à pista com os ultramacios -  já que os pilotos que avançam ao Q3 têm de largar na corrida com os pneus de suas melhores voltas no Q2. Assim, as grandes equipes tentaram arriscar e avançar com os ultramacios, que são mais adequados para a corrida do que os hipermacios.

Verstappen se sobressaiu na primeira rodada de voltas, com 1min15s640, apenas 0s004 mais rápido que Hamilton. Vettel, o terceiro, também não vinha muito atrás, com 0s075 de atraso.

O sexteto retornou à pista na fase final do Q2 com pneus hipermacios, por precaução, mas ninguém melhorou, de modo que as posições se mantiveram. Do primeiro ao sexto lugar, Verstappen, Hamilton, Vettel, Ricciardo, Bottas e Raikkonen avançaram ao Q3 e largarão na prova de ultramacios.

Também avançaram ao Q3 os carros de Renault e Sauber, com Hulkenberg, Sainz, Leclerc e Ericsson, estes com hipermacios.  

Os carros da Force India não usaram os pneus mais velozes no Q2, o que deixou Ocon em 11º e Pérez em 13º. Entre eles ficou Alonso, eliminado em 12º. Hartley, que cometeu um erro em sua volta decisiva, e Gasly, que não andou na fase (já que ele largará do último lugar de qualquer jeito devido a uma punição por troca de peças no motor) foram os demais eliminados.

Q3: Ricciardo cresce no fim e crava a pole

Sem perder muito tempo, os ponteiros foram à pista para suas primeiras tentativas de olho na pole position. Vettel bateu o recorde da pista ao marcar 1min14s970, mas foi superado por Verstappen – 1min14s785.

Hamilton terminou a primeira rodada em terceiro, com um déficit de 0s2, à frente de Ricciardo, Bottas e Raikkonen.

Na segunda tentativa, Ricciardo encaixou volta competitiva para bater Verstappen por apenas 0s026, sendo que o holandês sequer melhorou seu tempo. Hamilton ficou em terceiro, com Vettel, Bottas e Raikkonen fechando o top 6.

Hulkenberg, Sainz, Leclerc e Ericsson completaram os dez melhores, nesta ordem.

Cla # Piloto Chassi Motor Tempo Diferença km/h
1 3 Australia Daniel Ricciardo Red Bull TAG 1'14.759   207.257
2 33 Netherlands Max Verstappen Red Bull TAG 1'14.785 0.026 207.185
3 44 United Kingdom Lewis Hamilton Mercedes Mercedes 1'14.894 0.135 206.884
4 5 Germany Sebastian Vettel Ferrari Ferrari 1'14.970 0.211 206.674
5 77 Finland Valtteri Bottas Mercedes Mercedes 1'15.160 0.401 206.152
6 7 Finland Kimi Raikkonen Ferrari Ferrari 1'15.330 0.571 205.686
7 27 Germany Nico Hulkenberg Renault Renault 1'15.827 1.068 204.338
8 55 Spain Carlos Sainz Jr. Renault Renault 1'16.084 1.325 203.648
9 16 Monaco Charles Leclerc Sauber Ferrari 1'16.189 1.430 203.367
10 9 Sweden Marcus Ericsson Sauber Ferrari 1'16.513 1.754 202.506
11 31 France Esteban Ocon Force India Mercedes 1'16.844 2.085 201.634
12 14 Spain Fernando Alonso McLaren Renault 1'16.871 2.112 201.563
13 11 Mexico Sergio Perez Force India Mercedes 1'17.167 2.408 200.790
14 28 New Zealand Brendon Hartley Toro Rosso Honda 1'17.184 2.425 200.746
15 8 France Romain Grosjean Haas Ferrari 1'16.911 2.152 201.458
16 2 Belgium Stoffel Vandoorne McLaren Renault 1'16.966 2.207 201.314
17 20 Denmark Kevin Magnussen Haas Ferrari 1'17.599 2.840 199.672
18 18 Canada Lance Stroll Williams Mercedes 1'17.689 2.930 199.441
19 35 Russian Federation Sergey Sirotkin Williams Mercedes 1'17.886 3.127 198.936
20 10 France Pierre Gasly Toro Rosso Honda    

 

Next article
Grosjean admite que possível gancho o deixa mais cauteloso

Previous article

Grosjean admite que possível gancho o deixa mais cauteloso

Next article

Pérez: "O objetivo de hoje não era estar no Q3"

Pérez: "O objetivo de hoje não era estar no Q3"
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do México
Sub-evento Treino Classificatório
Tipo de matéria Relato de classificação