Ricciardo não esconde frustração por levar 1s da Mercedes

compartilhar
comentários
Ricciardo não esconde frustração por levar 1s da Mercedes
9 de mai de 2014 11:44

Australiano coloca o terceiro lugar como meta para o GP da Espanha e lamenta ausência de Vettel

Os prognósticos para o GP da Espanha davam conta de que a Red Bull deveria estar mais próxima da Mercedes na pista de Barcelona, mas o que se viu nos primeiros treinos livres foi uma diferença semelhante às provas anteriores, com Lewis Hamilton conseguindo colocar 1s em Daniel Ricciardo.

O australiano foi o único representante dos tetracampeões na segunda sessão de treinos livres após o companheiro Sebastian Vettel ter problemas elétricos. O piloto foi o terceiro colocado, mas não escondeu certa decepção com a desvantagem em relação à Mercedes.

“Não estou surpreso porque a vantagem deles estava muito grande, mas eu esperava estar um pouco mais perto. Vamos ver se conseguimos ganhar mais alguma coisa para a classificação. Adoraria poder lutar com eles de verdade, mas ainda não estamos em posição de fazer isso. Parece que somos o terceiro carro mais rápido no momento e tentaremos consolidar isso”, disse o piloto, que busca o primeiro pódio na carreira.

“A simulação de classificação não foi ruim com o pneu duro, fiquei a meio segundo da Mercedes, o que foi uma melhora em relação ao primeiro treino. Depois, com o outro pneu, ficamos a um segundo deles novamente, o que não foi bom. Mas não estamos em uma posição ruim.”

Nos testes visando a corrida, o Red Bull se comportou melhor, conseguindo dar várias voltas com o mesmo jogo de pneus.

“Fiz um stint muito longo com o pneu médio, de cerca de 25 voltas, e não esperávamos conseguir andar tanto, ainda que, no final, os pneus traseiros estivessem bem no limite. Foi divertido, como pilotar um carro de rally.”

O lado ruim do dia foi a ausência de Vettel na pista, diminuindo a quantidade de informações obtidas para acertar o carro para o restante do final de semana.

“Não foi bom pelo lado dele mas, felizmente, tivemos uma tarde muito boa sob minha perspectiva e extraímos tudo o que podíamos de um carro e agora ele vai usar os dados para se preparar. Como equipe, é claro que é melhor ter os dois carros na pista, mas ele vai extrair o máximo que pode.”
Próxima Fórmula 1 matéria
Quase meio segundo mais rápido, Hamilton domina segunda sessão; Massa é 8º

Previous article

Quase meio segundo mais rápido, Hamilton domina segunda sessão; Massa é 8º

Next article

Massa prevê briga com McLaren e Force India no GP da Espanha

Massa prevê briga com McLaren e Force India no GP da Espanha
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Tipo de matéria Últimas notícias