Rosberg culpa vento por erro em Austin

Alemão afirmou que uma forte rajada desestabilizou sua Mercedes nos momentos finais da corrida dos Estados Unidos

Nico Rosberg perdeu a liderança e qualquer chance de chegar ao título de 2015 faltando dez voltas para o fim do GP dos Estados Unidos.

"Foi a rajada de vento o meu grande problema. Estou falando sério. Mesmo assim, ainda fica como um erro meu, mas agora entendo como aconteceu e é importante compreender."

"Foi um cenário incomum, que aconteceu apenas uma vez em todas as voltas. Perdi muito downforce traseiro com isso."

Perguntado se o foco da equipe a partir de agora deveria ser a garantia do seu segundo lugar no campeonato de pilotos, Rosberg disse:"Não sei se haverá alguma mudança drástica. Eu quero vencer. Lewis Hamilton quer ganhar. Sebastian Vettel também, então acredito que teremos batalhas iguais as que estamos vendo normalmente."

Sobre a abordagem após a primeira curva com Hamilton, o alemão não quis falar sobre o assunto com mais detalhes.

"Me desculpe, não vou falar sobre isso, aqui não é o lugar. Esse tipo de discussão tem lugar certo para acontecer e não aconteceu ainda. Não quero falar sobre cada detalhe do ocorrido."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Pista Circuit of the Americas
Pilotos Nico Rosberg
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias