Rosberg diz que não conseguia virar por defeito no acelerador

Piloto alemão revela que tinha de tirar perna totalmente para fazer o carro desacelerar e não conseguia mais virar volante para a direita

Graças a um problema mecânico, Nico Rosberg perdeu uma ótima oportunidade de vencer neste domingo (11) em Sochi, na Rússia. Já na quinta volta o piloto da Mercedes reclamava de problemas no acelerador.

Uma volta depois ele errou duas curvas e foi obrigado a ir aos pits para tentar corrigir o problema. No entanto, a questão era irremediável e ele teve de desistir da corrida e perdeu a vice-liderança do mundial para Vettel.

"Não é legal quando há um problema com o pedal do acelerador", disse Rosberg.

"A primeira vez que percebi foi durante o primeiro Safety Car.”

"Isso me deu um pouco de preocupação, especialmente porque começou a se agravar. No final eu tive de levantar minha perna completamente para o pedal do acelerador não ser mais acionado. Com isso, não conseguia mais virar o carro. O joelho estava batendo no volante.”

"É inacreditável que algo como isso possa acontecer."

Quando questionado sobre suas esperanças de campeonato, ele respondeu: "agora não estou pensando nisso, só estou desapontado com hoje. Vou pensar sobre isso depois.”

"Eu nunca irei descartar nada."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Rússia
Pista Sochi Autodrom
Pilotos Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias