Rosberg reconhece que esconde informações de Hamilton

Alemão diz que informações são compartilhadas, mas que há coisas que "não são colocadas na mesa"

O líder do campeonato, Nico Rosberg, revelou que tem mantido algumas informações  em segredo para ter vantagem sobre o companheiro Lewis Hamilton. E parece que a estratégia tem funcionado: depois do inglês chegar na frente em quatro provas seguidas, o alemão o superou em duas e o viu abandonar por problemas mecânicos no Canadá. Com isso, abriu 29 pontos na liderança.

[publicidade]“É tudo aberto – os dados, tudo. É só que às vezes você não vai colocar algo na mesa, falando ‘olha o que eu fiz’. Se eu encontrar alguma vantagem, vou mantê-la para mim mesmo”, admitiu o piloto, que disse tentar equilibrar seus interesses com os da equipe.

“No fundo, estamos correndo pelas Flechas de Prata. Tudo é livre porque a equipe precisa ser forte e somos mais fortes quando trabalhamos juntos. Mas ao mesmo tempo estamos lutando um com o outro, então o que pudermos fazer para ter uma pequena vantagem em relação ao outro, faremos.”

Após o GP da Áustria, no último final de semana, o chefe da Mercedes, Toto Wolff, reconheceu que com a rivalidade entre seus dois pilotos. “Precisamos nos assegurar que isso não atrapalhe o time”, afirmou.

Rosberg também está satisfeito por ter interrompido a grande fase de Hamilton após as quatro vitórias seguidas. Seu último triunfo aconteceu há seis semanas, no GP da Espanha.

“É bom saber que tenho o momento do meu lado, e preciso prolongar isso ao máximo. Chegará um ponto em que, inevitavelmente, terá a vantagem novamente, então preciso aproveitar ao máximo agora. Eu sei que estou em uma boa sequência. Isso ajuda minha confiança em ter os resultados – na classificação e na corrida.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias